Como emitir NFC-e? Confira em 5 passos!

Tempo de leitura: 6 minutos

Para uma empresa se manter em dia com o recolhimento e pagamento dos seus tributos, é necessário que uma série de documentos sejam gerados, e saber como emitir NFC-e faz parte desse processo.

A NFC-e é a sigla utilizada para identificar a Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica. Trata-se de um documento eletrônico fiscal, gerado para o consumidor final, que substitui o cupom fiscal e a Nota Fiscal de Venda a Consumidor modelo 2.

A Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica passou a ser utilizada em atendimento à proposta do SPED Fiscal, também chamado de Escrituração Fiscal Digital (EFD), que é o processo de escrituração digital da Receita Federal.

Está cansado de emitir suas notas fiscais uma por uma?

Na NFE.io é possível se livrar dessas tarefas repetitivas através de integrações com meios de pagamento, plugins, planilha do excel ou conectando diretamente com a nossa API.

Quer entender como funciona?
Converse com a nossa equipe especializada para livrar a sua empresa da burocracia!
Quero otimizar meu tempo

Menos burocrática e dispensando a necessidade de envio de documentos impressos ao órgão fiscalizador, a NFC-e otimiza a etapa de transmissão de informações ao Fisco.

Para os varejistas, esse tipo de nota fiscal eletrônica traz vantagens como menos quantidade de documentos impressos, armazenamento digital, dispensa de equipamentos específicos para impressão, ao contrário do que acontece no caso do cupom fiscal, entre outras.

Mas para obter esses e outros benefícios, é preciso saber, inicialmente, como emitir NFC-e. E é sobre isso que falaremos neste artigo.

Por isso, continue a leitura e confira!

Como emitir NFC-e?

Para quem precisa saber como emitir NFC-e, o primeiro entendimento que se deve ter é que o esse processo acontece em tempo real.

Na prática, isso quer dizer que toda a comunicação entre empresa e Sefaz ocorre instantaneamente assim que a Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica é gerada.

No entanto, para gerar a NFC-e, é preciso contar com um programa para emissão de Nota Fiscal Eletrônica, visto que o órgão fiscalizador não disponibiliza versões gratuitas.

Com isso em mente, a resposta para a pergunta “Como emitir NFC-e?”, contempla os seguintes passos:

  1. verificação do cadastro da empresa junto à Sefaz do seu estado;
  2. obtenção do Certificado Digital;
  3. adequação da infraestrutura;
  4. realização do cadastro de produtos;
  5. treinamento da equipe de vendas

1. Verificação do cadastro da empresa junto à Sefaz do seu estado

A verificação do cadastro empresarial junto à Sefaz do estado onde o seu negócio está registrado consiste em confirmar se a sua Inscrição Estadual está em dia.

Apenas para relembrarmos, a Inscrição Estadual, IE, é o registro que identifica na Secretaria da Fazenda que uma empresa é contribuinte do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

O artigo “Como consultar Inscrição Estadual? Passo a passo completo” vai ajudar você nesse processo de verificação.

Além disso, também é preciso obter o Código de Segurança do Contribuinte (CSC) e examinar o cronograma de obrigatoriedade da emissão da Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica, lembrando que alguns estados podem estar mais avançados que outros quanto à exigência desse tipo de nota fiscal.

Está cansado de emitir suas notas fiscais uma por uma?

Na NFE.io é possível se livrar dessas tarefas repetitivas através de integrações com meios de pagamento, plugins, planilha do excel ou conectando diretamente com a nossa API.

Quer entender como funciona?
Converse com a nossa equipe especializada para livrar a sua empresa da burocracia!
Quero otimizar meu tempo

Nota fiscal emitida em massa via excel?

Na NFE.io você conta com emissão de notas fiscais de serviço em massa via Excel. O que acha?

Emita muitas NFS-e sem burocracia!
Disponibilizamos para você a alternativa de emitir via excel, de forma simples, rápida e eficiente.
Experimente gratuitamente!

2. Obtenção do Certificado Digital

O próximo passo é obter um Certificado Digital. Caso ainda não conheça, trata-se de uma identificação virtual do seu negócio.

Na prática, ele está vinculado ao seu CNPJ e funciona como uma assinatura eletrônica para validar diversas operações realizadas na internet, a exemplo da emissão de Notas Fiscais Eletrônicas.

Confira, neste infográfico, o que é preciso para ter o seu Certificado Digital:

certificado digital

3. Adequação da infraestrutura

O terceiro passo para emitir Nota Fiscal de Consumidor é adequar a sua infraestrutura. Isso quer dizer:

  • ter uma boa solução de conexão com a internet;
  • utilizar equipamentos (computadores e/ou dispositivos móveis) atualizados, assim como o sistema de antivírus;
  • ter disponível uma impressora para emissão do documento fiscal, caso o cliente solicite.

Aqui, também entra a questão do programa de emissão de Notas Fiscais Eletrônicas que citamos anteriormente. Sem ele, não há como gerar a NFC-e.

Dica de leitura: “Gerenciador de nota fiscal eletrônica: conheça o NFE.io

4. Realização do cadastro de produtos

Com os demais passos ajustados, a próxima etapa consiste em cadastrar os produtos comercializados pela sua empresa no sistema escolhido. 

Dessa forma, ao gerar as NFC-es, a descrição das mercadorias saíra de acordo com o que foi vendido ao cliente.

5. Treinamento da equipe de vendas

Por fim, é essencial treinar bem todos os colaboradores que terão acesso à emissão da Nota Fiscal de Consumidor.

A ideia com esse treinamento é garantir que nenhuma nota deixe de ser gerada, ou que seja emitida com falhas, o que poderia gerar uma série de transtornos fiscais e contábeis para o seu negócio.

Aproveite e leia também: “Não emitir nota fiscal é crime? Sim! Veja penalidades e como evitar esse transtorno

O que mais você precisa saber sobre a NFC-e?

Agora que ficou claro como emitir NFC-e, há mais alguns detalhes sobre esse documento fiscal que é bem importante que você conheça. Um dos principais é a NFC-e em contingência.

NFC-e em contingência é quando, por algum motivo, a Nota Fiscal de Consumidor não pode ser enviada à Sefaz imediatamente.

Isso acontece, por exemplo, quando há problemas técnicos de comunicação, tais como falhas nos programas de emissão, queda do sinal da internet, entre outros. Ainda assim, o empreendedor não deve deixar de gerar a NFC-e

Em casos como esses, a Sefaz permite a emissão em contingência, que nada mais é do que a geração desse documento sem a sua aprovação prévia.

Só para deixar esse processo mais compreensível, quando tudo está funcionando adequadamente, a comunicação com a Sefaz é instantânea. 

Assim, uma vez preenchidos os dados da nota e enviados pelo sistema, a Secretaria da Fazendo já valida as informações, libera a emissão da NFC-e e a impressão do DANFE.

Vale destacar que a NFC-e em contingência deve ser utilizada apenas em situações realmente necessárias. Lembrando também que o prazo de envio à Sefaz, da nota gerada dessa forma, é de até 24 horas após a sua emissão.

Como otimizar o processo de emissão dessa nota fiscal?

Quanto mais produtos a sua empresa vender, maior será o volume de notas fiscais emitidas, concorda?

Uma das melhores formas de otimizar esse processo, reduzir falhas e demandar menos tempo para a sua execução, é utilizando um bom programa de emissão de NF-es.

Por isso, nossa dica é para que você conheça o NFE.io, que permite, entre outras funções:

  • emitir Nota Fiscal de Produto;
  • emitir Nota Fiscal de Serviço;
  • emitir Nota Fiscal de Consumidor;
  • consultar CPF e CNPJ;
  • armazenar e gerenciar notas fiscais e muito mais!

Acesse agora mesmo o site da NFE.io e confira todas as funcionalidades!


Quer receber mais conteúdo de graça?

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de empreendedorismo.

Comente

Deixe seu comentário abaixo. O seu e-mail não será divulgado.


Salvar meu nome e e-mail para os meus próximos comentários.
Ao clicar em comentar, você declara que aceita a nossa política de privacidade.

Está cansado de emitir as notas fiscais da sua empresa uma por uma?

Sabemos que é um processo muito chato e repetitivo. Você não precisa mais gastar tempo com isso, sabia ?

QUERO GANHAR TEMPO
x