DANFE online: guia completo para emitir seu documento com segurança!

Tempo de leitura: 11 minutos

Saber o que é DANFE online e como emiti-lo é essencial para qualquer empresa. Afinal, esse é um documento obrigatório que, depois de emitido por via digital, deverá ser impresso para acompanhar toda e qualquer mercadoria.

Ele √© a vers√£o virtual, ou seja, ainda n√£o impressa, da representa√ß√£o simplificada da nota fiscal eletr√īnica (NF-e). Seu principal objetivo √© facilitar o acesso a dados sobre a mercadoria que est√° sendo transportada, bem como a confer√™ncia de informa√ß√Ķes em caso de fiscaliza√ß√£o.

Por esse motivo, no DANFE online, est√£o presentes, de forma resumida, as principais informa√ß√Ķes constantes na nota fiscal eletr√īnica oficial do produto. No entanto, √© fundamental ter em mente que um documento n√£o substitui o outro.¬†

Est√° cansado de emitir suas notas fiscais uma por uma?

Na NFE.io √© poss√≠vel se livrar dessas tarefas repetitivas atrav√©s de integra√ß√Ķes com meios de pagamento, plugins, planilha do excel ou conectando diretamente com a nossa API.

Quero otimizar meu tempo

Assim, para evitar que voc√™ cometa alguma falha no que se refere √† emiss√£o desses documentos, √© bem importante que conhe√ßa mais a fundo o que √© DANFE online, sua import√Ęncia e como emiti-lo.

Neste artigo, vamos apresentar todos os detalhes que voc√™ precisa saber para garantir que sua empresa esteja em dia com as determina√ß√Ķes legais.

Boa leitura!

O que é DANFE online?

DANFE √© a sigla para Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletr√īnica. Trata-se de uma representa√ß√£o gr√°fica simplificada da NF-e, um documento digital, emitido e armazenado eletronicamente, com o objetivo de documentar uma opera√ß√£o de circula√ß√£o de mercadorias ou presta√ß√£o de servi√ßos, devendo acompanhar a carga.

Ele serve como instrumento auxiliar para a consulta da NF-e na internet, pois contém a chave de acesso, um código numérico de 44 dígitos que permite a qualquer pessoa verificar a autenticidade e a existência da nota no portal nacional da Secretaria da Fazenda.

Como j√° mencionamos, o DANFE acompanha a mercadoria durante o tr√Ęnsito, facilitando a escritura√ß√£o fiscal dos destinat√°rios que ainda n√£o s√£o obrigados √† Escritura√ß√£o Fiscal Digital (EFD), al√©m de possibilitar a confirma√ß√£o das informa√ß√Ķes prestadas pela empresa emitente da NF-e.

Em resumo, o DANFE tem as seguintes fun√ß√Ķes:

  • acompanhar a mercadoria durante o transporte;
  • conter a chave de acesso para a consulta da NF-e na internet;
  • facilitar a escritura√ß√£o da NF-e no caso de destinat√°rio n√£o obrigado √† EFD;
  • propiciar a confirma√ß√£o de informa√ß√Ķes da opera√ß√£o pelo destinat√°rio da mercadoria.

Danfe online 1

Para que serve o DANFE?

Conforme antecipamos, a principal fun√ß√£o do DANFE √© acompanhar um produto enquanto esse estiver em tr√Ęnsito. Ainda que n√£o tenha valor fiscal, sua emiss√£o √© obrigat√≥ria e visa facilitar o acesso a informa√ß√Ķes pertencentes √† mercadoria que est√° sendo transportada, especialmente em casos de fiscaliza√ß√£o.

A prop√≥sito, esse documento tamb√©m facilita a escritura√ß√£o das opera√ß√Ķes documentadas por notas fiscais eletr√īnicas em casos do destinat√°rio n√£o ser contribuinte credenciado a emitir NF-e.

Por não substituir a nota fiscal, não há obrigatoriedade quanto à guarda do DANFE após sua função principal ter sido concluída.

Contudo, é essencial que tanto o emissor quanto o destinatário arquivem a nota fiscal pelo prazo estabelecido pela legislação tributária, pelo período mínimo de 5 anos, de acordo com a Lei 5.172, Art. 173, do Código Tributário Nacional.

Nota fiscal emitida em massa via excel?

Na NFE.io você conta com emissão de notas fiscais de serviço em massa via Excel. O que acha?

Experimente gratuitamente!

Dica de leitura: ‚ÄúComo organizar notas fiscais na empresa? Veja 4 dicas de organiza√ß√£o + 7 de controle e 1 ferramenta!‚ÄĚ

O que deve constar no DANFE?

O DANFE online deve ter uma chave de acesso composta por um c√≥digo num√©rico com 44 posi√ß√Ķes. Com esse c√≥digo, √© poss√≠vel consultar, de maneira simples, r√°pida e gratuita, as informa√ß√Ķes pertinentes √† mercadoria pelo Portal da Nota Fiscal Eletr√īnica.

Além da chave de acesso, o DANFE precisa ter um código de barras que possibilita a leitura dos dados por intermédio de um leitor óptico. 

Para complementar, as principais informa√ß√Ķes que devem constar no Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletr√īnica s√£o:

  • n√ļmero da nota fiscal eletr√īnica;
  • dados do emissor, como raz√£o social, CNPJ, endere√ßo, telefone e outros;
  • dados do destinat√°rio, principalmente nome e endere√ßo;
  • dia e hora de sa√≠da da mercadoria;
  • placa do ve√≠culo que far√° o transporte;
  • dados da transportadora respons√°vel pelo envio do produto;
  • natureza da opera√ß√£o comercial;
  • descri√ß√£o detalhada do produto, tais como valor e peso;
  • valores cobrados decorrentes dos tributos.

Quem deve imprimir o DANFE?

O DANFE deve ser impresso pelo emitente da Nota Fiscal Eletr√īnica (NF-e) no ato da venda ou da presta√ß√£o de servi√ßo. Este documento deve acompanhar o transporte da mercadoria e pode ser utilizado para confer√™ncia dela durante o transporte.

√Č importante destacar que o DANFE n√£o substitui a NF, mas √© uma vers√£o simplificada que cont√©m as principais informa√ß√Ķes que constam nela, al√©m de um c√≥digo de barras que facilita a consulta na internet.

Por falar nisso, é crucial lembrar que o DANFE deve ser impresso em papel comum, exceto o DANFE para evento, que tem sua impressão facultativa.

Na ausência do documento fiscal em papel, o transporte de mercadorias é considerado inadimplente, o que pode resultar em multas e penalidades para o remetente. Por isso, esse é um documento tão importante.

Como emitir DANFE? Passo a passo para gerar DANFE online!

Agora que voc√™ sabe o que √© DANFE online, sua fun√ß√£o e quais informa√ß√Ķes devem constar nesse documento, √© importante saber como emiti-lo, concorda?

Em suma, o DANFE deve ser emitido pela empresa que est√° vendendo o produto, e essa tarefa deve ser realizada antes da mercadoria sair para entrega, visto que esse documento deve acompanh√°-la em todo o trajeto.

Abaixo, vamos mostrar o passo a passo para você gerar o DANFE.

Passo 1 ‚Äď Escolha o sistema de emiss√£o

O primeiro passo é escolher o sistema a ser utilizado neste processo. Aliás, o Ministério da Fazenda recomenda que seja o mesmo utilizado na emissão da NF-e.

Essa é uma forma de evitar que haja divergência de dados entre o documento em formato digital e o impresso.

Passo 2 ‚Äď Fa√ßa o preenchimento de todos os campos solicitados

Ao acessar o sistema, voc√™ deve incluir todos os dados necess√°rios para a emiss√£o da Nota Fiscal Eletr√īnica, que s√£o os citados anteriormente e alguns elementos adicionais do DANFE que considerar necess√°rios.

Passo 3 ‚Äď Confira todas as informa√ß√Ķes preenchidas

√Č de extrema import√Ęncia que todas as informa√ß√Ķes preenchidas estejam corretas e em conson√Ęncia com tudo aquilo que consta na Nota Fiscal Eletr√īnica.

Confira com bastante atenção todos os dados antes de gerar o documento. Qualquer erro, por menor que seja, pode trazer sérios problemas fiscais para a empresa.

Passo 4 ‚Äď Imprima o DANFE

Ap√≥s conferir todas as informa√ß√Ķes e garantir que elas est√£o corretas, √© hora de imprimir o Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletr√īnica.

Com os 44 dígitos da chave de acesso da NF-e, você poderá entrar no site da Receita Federal para imprimir o DANFE e dar sequência ao procedimento de entrega das mercadorias.

Passo 5 ‚Äď Respeite o layout padr√£o

De acordo com o Manual de Integra√ß√£o do Contribuinte, existe um padr√£o de layout para emiss√£o do DANFE que precisa ser seguido. Portanto, na hora de emitir seu, consulte este material elaborado pela Receita Federal para garantir que o documento est√° seguindo as regulamenta√ß√Ķes vigentes.

Em alguns casos, voc√™ pode emitir uma nota fiscal de remessa. Veja quais s√£o essas situa√ß√Ķes:

Como consultar o DANFE online?

Além de emitir o DANFE, você pode consultá-lo a qualquer momento no site da Secretaria da Fazenda (SEFAZ) da sua unidade federativa. Para isso, basta seguir os seguintes passos:

  • localize o c√≥digo de acesso no documento, que √© uma chave num√©rica de 44 d√≠gitos que est√° impressa nele;
  • v√° ao site da SEFAZ do estado em que a nota fiscal foi emitida. Voc√™ pode encontrar uma lista no portal da Receita Federal;
  • procure a op√ß√£o para consultar NF-e ou DANFE, sendo que o layout e a nomenclatura do site podem variar dependendo do estado;
  • insira a chave de acesso de 44 d√≠gitos que voc√™ encontrou no Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletr√īnica e siga as instru√ß√Ķes na tela para completar a consulta;
  • se a nota fiscal for v√°lida e estiver registrada no sistema, voc√™ ser√° capaz de ver todos os detalhes da transa√ß√£o, incluindo informa√ß√Ķes sobre o remetente, o destinat√°rio, as mercadorias transportadas e afins.

Lembre-se de que você só poderá consultar a NF-e se ela já tiver sido emitida e estiver registrada no sistema da SEFAZ.

Se a nota fiscal n√£o estiver aparecendo, pode ser que ela ainda n√£o tenha sido processada ou que haja algum problema com a emiss√£o. Se isso acontecer, entre em contato com a empresa que emitiu a NF para obter mais informa√ß√Ķes.

Ademais, √© importante notar que a consulta de Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletr√īnica √© apenas uma maneira de verificar a validade de uma nota fiscal. Ela n√£o substitui o documento original, que √© a pr√≥pria NF-e.

Tenha em mente que esse documento não tem validade jurídica para fins fiscais, pois é usado apenas para acompanhar a mercadoria durante o transporte.

5 dicas b√°sicas para a emiss√£o correta do DANFE

Ap√≥s seguir o passo a passo que acabamos de mostrar, veja 5 dicas para emitir corretamente o Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletr√īnica:

  1. em hipótese alguma é permitido o transporte de mercadorias sem a presença desse documento. Caso isso aconteça, o transportador está sujeito a multas;
  2. o Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletr√īnica deve ser emitido antes que a mercadoria seja transportada para seu destino;
  3. a reimpress√£o do Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletr√īnica, em caso de extravio, deve ser feita antes que a mercadoria chegue a seu destino;
  4. é obrigatório que haja apenas um documento para cada NF-e;
  5. caso a descrição das mercadorias seja muito extensa, o DANFE pode ser apresentado em mais de uma folha. E, em cada uma das folhas, deve ser informado o mesmo código de barras.

Conforme voc√™ pode ver neste artigo, o Documento Auxiliar de Nota Fiscal Eletr√īnica √© importante para acompanhar a mercadoria durante todo o trajeto e, mesmo n√£o tendo validade fiscal, ele √© obrigat√≥rio por lei.

O ideal é que seja emitido no mesmo sistema que você usa para a emissão de notas fiscais, pois, assim, evitam-se erros de preenchimento manual.

Como a tecnologia agiliza a emiss√£o de notas fiscais?

A tecnologia tem desempenhado um papel crucial na otimização da emissão de notas fiscais. Com a automação proporcionada por softwares de gestão, o processo se tornou mais rápido e preciso, eliminando a necessidade de entrada manual de dados e, consequentemente, minimizando a possibilidade de erros.

Por sinal, a integração de diferentes sistemas (vendas, estoque e contabilidade) é outra vantagem, possibilitando que uma venda registrada automaticamente gere uma nota fiscal. Essa integração torna o processo de emissão muito mais eficiente.

Vale lembrar que a NF-e e a digitalização simplificaram a emissão, o armazenamento e o compartilhamento de notas fiscais, poupando as empresas de manter arquivos físicos volumosos.

Dessa forma, todas as notas fiscais podem ser armazenadas digitalmente e recuperadas com facilidade quando necess√°rio, otimizando ainda mais o processo.

Aliás, usando um gerenciador de notas fiscais como o NFE.io, o cálculo dos impostos é realizado automaticamente. 

Em paralelo, a solução tecnológica traz uma série de benefícios, incluindo:

  • agiliza a gera√ß√£o e o envio dos arquivos XML e HTML aos clientes, por e-mail;
  • propicia emitir notas fiscais de v√°rios CNPJs para diferentes munic√≠pios¬† sem sair do sistema;
  • conta com um painel de controle para gerenciar seu faturamento mensal;
  • possibilita consultas automatizadas a CPF e CNPJ;¬†
  • tem desconto na emiss√£o do certificado digital.

Com o sistema de emiss√£o de nota fiscal da NFE.io, pode-se reduzir o tempo e a complexidade que envolve a emiss√£o desses documentos, tornando o dia a dia da empresa muito mais √°gil e produtivo.

Acesse agora o site da NFE.io e confira todas as funcionalidades da nossa solução!

 


Quer receber mais conte√ļdo de gra√ßa?

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de empreendedorismo.

Comente

Deixe seu coment√°rio abaixo. O seu e-mail n√£o ser√° divulgado.


Salvar meu nome e e-mail para os meus próximos comentários.
Ao clicar em comentar, você declara que aceita a nossa política de privacidade.

Est√° cansado de emitir as notas fiscais da sua empresa uma por uma?

Sabemos que é um processo muito chato e repetitivo. Você não precisa mais gastar tempo com isso, sabia ?

QUERO GANHAR TEMPO
x