Impostos sobre nota fiscal: quais são eles?

Tempo de leitura: 5 minutos

Não é segredo pra ninguém que o Brasil possui uma das maiores cargas tributárias do mundo.

Confira essa comparação da carga tributária sobre bens e serviços em diversos países:

Imposto sobre nota fiscal

Fonte: Estadão

Mas você sabe quais são todos os impostos que devem constar na sua nota fiscal?

Certas taxas são comuns a qualquer tipo de nota; outras, porém, são específicas para aquelas de produtos e de serviços.

No artigo de hoje você vai descobrir quais são cada um dos impostos sobre nota fiscal para cada tipo de negócio. Confira!

Confira também: O que é, quando e como lançar uma nota fiscal de entrada?

Problemas com a inadimplência escolar?

Veja os 4 Conhecimentos que você precisa ter para transformar sua escola em um negócio online de alta gestão

Seja uma Edtech destaque!
Te ajudamos no processo de tecnologia
Preciso desse conhecimento

Imposto sobre nota fiscal

Notas em geral

Como dito anteriormente, alguns impostos devem estar presentes em todo e qualquer tipo de nota fiscal. São eles:

IRPJ -Imposto de Renda Pessoa Jurídica

Essa taxa é cobrada de empresas que possuem cadastro jurídico, estatais de sociedade mista e empreendimentos rurais. O valor a ser pago é 15% do lucro mais 10% se o lucro for superior a R$ 20.000. O IRPJ pode ser pago anualmente ou trimestralmente.

COFINS – Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social

O COFINS é um imposto sobre nota fiscal de natureza federal. Ele incide sobre a receita bruta de qualquer empresa e tem como finalidade financiar a seguridade social.

CSLL – Contribuição Social sobre o Lucro Líquido

Assim como o COFINS, o CSLL é um tributo federal destinado ao financiamento da seguridade social. Ele é descontado diretamente do valor total da venda. A alíquota é corresponde a 10% ou 12% do lucro líquido de determinado período.

PIS – Programa de Integração Social

O PIS é um tributo destinado aos funcionários de empresas privadas que são regidos pela CLT. Administrado pela Caixa Econômica Federal, o PIS tem como finalidade financiar o seguro-desemprego e o abono salarial dos trabalhadores.

ISS – Imposto Sobre Serviços

O ISS é um imposto municipal cobrado de empresas ou profissionais autônomos que prestam serviços. A alíquota varia em cada município; porém, a Constituição Federal prevê que o valor deve ser entre 2% e 5% sobre o preço do serviço prestado.

Veja mais: O que é Ginfes Nota Fiscal: Veja o passo a passo de como usar

Notas Fiscais de Produto

Se a sua empresa trabalha com a comercialização de mercadorias, existem alguns impostos sobre emissão de nota fiscal específicos. Veja:

ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços

O ICMS é um imposto sobre nota fiscal de instância estadual; ou seja, sua alíquota varia de acordo com a Unidade Federativa em que a empresa está inscrita. Não cumulativo, ele é cobrado a cada produto vendido ou serviço prestado.

IPI – Imposto sobre Produto Industrializado

O IPI é um tributo federal que incide sobre produtos industrializados, sejam ele nacionais ou importados. A alíquota pode chegar a 30% dependendo do produto em questão.

II – Imposto sobre Importação

O II é outro imposto sobre emissão de nota fiscal e é destinado aos produtos importados que são comercializado em território nacional.

IE – Imposto sobre Exportação

Ao contrário do encargo anterior, o IE incide sobre os produtos que saem do Brasil para outros países. Essa taxa é paga pelo comprador.

IOF – Imposto sobre Operações Financeiras

O IOF incide sobre diversas operações financeiras, como crédito, câmbio, seguros, etc. Ele serve como um termômetro da economia nacional e possibilita ao governo mensurar a oferta e a demanda de crédito no Brasil. A porcentagem do IOF é de:

  • 3% ao ano para pessoa física;
  • 0,38% para abertura de crédito;
  • Até 25% para operações de câmbio e seguros;
  • 1,5% ao dia para títulos e valores imobiliários.

Notas Fiscais de Serviço

Os impostos sobre emissão de nota fiscal de serviço são os mesmos encargos fixos que nota deve ter + o ICMS:

  • PIS
  • COFINS
  • IRPJ
  • CSLL
  • ISS

Conclusão

Para não se complicar com o Fisco, todo empresário precisa estar muito atento às obrigações tributárias pertinentes ao seu negócio. Caso contrário, ele pode ser acusado de sonegação e colocar o sucesso do empreendimento em risco.

Para você ficar tranquilo em relação a cada imposto sobre nota fiscal, que tal automatizar a emissão desse documento? Nisso o NFE.io pode te ajudar.

Com o nosso software, sua empresa consegue emitir notas fiscais eletrônicas e fazer o envio automático para os seus cliente, minimizando os riscos de falhas humanas e otimizando o tempo de toda a equipe.

Além disso, o cálculo dos impostos também é feito automaticamente, o que te ajudará bastante a ficar em dia com as obrigações. O NFe-io é seguro, prático e ágil.

Saiba mais, agende um telefonema ou um cafezinho: Quero Marcar uma Conversa

Precisa de uma ferramenta simples para controlar a Inadimplencia?

Baixe gratuitamente nossa planilha de controle de inadimplencia e facilite sua vida!

Controle quem são os devedores.
Utilize essa ferramenta gratuitamente, te enviaremos um presente surpresa
Quero a planilha


Quer receber mais conteúdo de graça?

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de empreendedorismo.

Comente

Deixe seu comentário abaixo. O seu e-mail não será divulgado.


Salvar meu nome e e-mail para os meus próximos comentários.
Ao clicar em comentar, você declara que aceita a nossa política de privacidade.

Está cansado de emitir as notas fiscais da sua empresa uma por uma?

Sabemos que é um processo muito chato e repetitivo. Você não precisa mais gastar tempo com isso, sabia ?

QUERO GANHAR TEMPO
x