Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

O que é Danfe Nota Fiscal? Pra que ele serve?

Danfe e Nota Fiscal, qual a diferença? O que está contido no Danfe, para que serve e o que é Danfe Nota Fiscal? Como imprimir?

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Você deve saber que toda transação comercial de serviços ou de mercadorias necessita da emissão de uma Nota Fiscal. Mas e o DANFE, você sabe o que é esse documento?

Bem, como as Notas Fiscais agora são eletrônicas, não faz sentido imprimir as Notas Fiscais. Mas como comprovar que uma mercadoria, por exemplo, que está sendo transportada, teve a Nota Fiscal emitida?

Isso foi previsto pelo SPED (Sistema Público de Escrituração Digital). E é um dos casos em que você deve emitir um DANFE Nota Fiscal.

Veja, o projeto SPED  criado pela Receita Federal do Brasil em conjunto com os Estados, i Distrito Federal e os municípios brasileiros trouxe consigo algumas mudanças no cotidiano dos empresários e de todos aqueles que lidam com documentos fiscais e contábeis. Assim, houve diversas mudanças na rotina de trabalho fiscal e contábil dessas empresas.

Entre essas mudanças, veio o fim da emissão de Nota Fiscal em papel.

A linguagem também mudou de repente, trazendo um novo desafio para os empreendedores, assim como incluindo em nosso cotidiano algumas siglas a mais.

E uma delas, e sobre a qual vamos falar aqui, é exatamente o DANFE.

Entre outras dúvidas, vamos esclarecer:

  • O que é DANFE Nota Fiscal?
  • Você ainda confunde DANFE com Nota Fiscal?
  • O que é DANFE contingência?
  • Como emitir DANFE?
  • Onde fica o DANFE na Nota Fiscal?
  • Para que serve a chave de acesso da Nota Fiscal?
  • O que é DANFE online?

Entenda tudo isso e um pouco mais leno nosso postagem de hoje!

Saiba mais: O que é SPED e nota fiscal eletrônica: benefícios e como usar

O que é DANFE Nota Fiscal? DANFE é o Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica

Bem, talvez essa frase curta não seja o suficiente para você entender realmente o que é DANFE Nota Fiscal.

O DANFE é uma representação simplificada da Nota Fiscal eletrônica (NF-e) e, como o próprio nome sugere, tem a finalidade de auxiliar nas operações de circulação de mercadorias e serviços documentadas com NF-e.

Veja mais detalhes sobre o que é DANFE Nota Fiscal:

  1. Contém uma chave de acesso com código numérico de 44 posições para consulta da nota fiscal eletrônica;
  2. Acompanha a mercadoria em trânsito;
  3. Contém informações básicas sobre a operação, como: emitente, destinatário, descrição das mercadorias, quantidades, valores, volumes, peso bruto e liquido, transportador, tipo do frete etc.
  4. Auxilia na escrituração das operações em caso do destinatário não ser contribuinte credenciado a emitir nota fiscal eletrônica, ficando este destinatário obrigado a guarda em arquivo pelo período de 5 anos para atender à administração tributária quando solicitado.

Assim, se você queria saber para que serve a chave de acesso da Nota Fiscal, já ficou claro. É com esse número que você poderá encontrar sua nota fiscal nos sistemas online, inclusive sendo um dos passos de como emitir DANFE, que você verá mais adiante.

Além disso, o DANFE deve conter os campos do arquivo XML da nota fiscal eletrônica.

Quem deve imprimir o DANFE?

O DANFE deve ser impresso pelo remetente das mercadorias e serviços antes da circulação das mesmas. Deve fazer isso em papel comum, exceto papel jornal, nos tamanhos 210x297mm à 230x330mm em uma única via.

Desa forma, o DANFE estará sendo utilizado para transitar com as mercadorias somente após a concessão da autorização para emissão da NF-e.

O que é DANFE Nota Fiscal, afinal? Ora, ficou claro que é um documento impresso que auxilia a comprovação de que a Nota Fiscal referente a um transação comercial foi emitida.

O DANFE poderá conter, também, outros gráficos, desde que não prejudiquem a leitura do seu conteúdo ou do código de barras por leitor ótico.

A oposição de carimbos deve ser feita no verso do documento. Lembramos ainda, que o DANFE não é a Nota Fiscal, ou seja, não se confunde e tampouco a substitui.

Apenas auxilia na comprovação de que ela foi emitida. Mas, ara que isso ocorro, a chave de acesso e sua representação em código de barras precisa estra bem legível.

DICA: Transportar com nota fiscal de mercadoria é obrigatório? E nos correios?

Confira também este infográfico:

O que é nota fiscal de remessa

Código de barras unidimensional

O código de barras unidimensional impresso no DANFE permite a leitura de leitor de código de barras para consulta da NF-e no portal da Fazenda e nos sistemas de controle do contribuinte.

Ou seja, é a representação da chave de acesso da NFe (código numérico da 44 dígitos/posições), caso contrária seria quase impossível para um contribuinte que recebe centenas de notas fiscais por dia, ter que digitar documento por documento.

Você sabe onde fica o DANFE na Nota Fiscal?

Normalmente a chave de acesso se localiza na parte superior direita do DANFE, junto a representação do código de barras.

Veja onde fica o DANFE da Nota Fiscal, na verdade a chave de acesso, neste exemplo, é o número logo abaixo do código de barras:

E o que é DANFE online?

Na verdade o DANFE online é exatamente o mesmo documento do DANFE, mas em sua versão online, ainda não impressa. Ao acessar os sites oficias para imprimir o DANFE, usando a chave de acesso, você visualizará o DANFE online.

Portanto, não há nenhum mistério sobre o que é DANFE online, trata-se do DANFE em sua versão ainda na Web, antes da impressão, e seus dados são idênticos.

Como emitir DANFE?

Algumas pessoas ainda se perguntam como emitir Nota Fiscal, mas o correto seria perguntar como emitir DANFE. Porque, afinal, a Nota Fiscal não é mais impressa. Assim, o que se imprime é o DANFE.

Mas como imprimir DANFE?

Confira o passo a passo de como imprimir DANFE:

  • Acesse o sistema de emissão de sua preferência, normalmente o mesmo utilizado para a emissão de suas Notas Fiscais.
  • Use a chave de acesso para entra no sistema.
  • Preencha todos os campos do formulário, tais como o número da NF-e, a chave de acesso da NF-e,  os dados do emitente, os dados do destinatário, a data e a hora da saída da mercadoria, a placa do veículo que vai fazer o transporte,  o dados da transportadora responsável, a natureza da operação, a descrição detalhada das mercadorias, os valores dos tributos.
  • Faça a conferência de todos os dados preenchidos para evitar erros. Informações erradas podem invalidar o DANFE e gerar multas à sua empresa.
  • Imprima o DANFE e mantenha-o junto da mercadoria transportada.

Apenas um DANFE para cada NF-e

Fique atento, porque deve existir apenas um DANFE para cada nota fiscal eletrônica. No entanto, este pode ter quantas folhas forem necessárias para discriminação das mercadorias contidas na NF-e.

Assim, nesse caso, o código de barras representativo da chave de acesso deve ser impresso repetidamente em todas as folhas. O contribuinte pode utilizar até 50% do verso da folha.

Em caso de extravio ou destruição do DANFE no decorrer do percurso da mercadoria, o emitente deve realizar a reimpressão. Além disso, é preciso encaminhar o DANFE reimpresso ao transportador ou ao destinatário, caso a mercadoria já tenha sido entregue.

Guarda do DANFE

Normalmente, depois da entrega, não é preciso guardar o DANFE. Na verdade, tanto o emitente quanto o destinatário devem manter em arquivo digital apenas as NF-e pelo prazo estabelecido na legislação para apresentação à administração tributária quando solicitado.

No entanto, caso o destinatário não seja credenciado para emissão de NF-e, o destinatário deve manter o DANFE em arquivo pelo prazo decadencial para apresentação à administração tributária quando solicitado em uma fiscalizaçõa, por exemplo.

O emitente de NF-e deve obrigatoriamente disponibilizar download, ou encaminhar arquivo eletrônico da NF-e e o protocolo de autorização ao destinatário.

Porque, sem isso, ele não tem como manter as Notas Fiscais de mercadorias recebidas em sues arquivos.

O que é DANFE nota fiscal – DANFE em contingência

  • SCAN – É permitido a circulação da mercadoria somente após a autorização de uso da NF-e pela Receita Federal do Brasil;
  • DPEC – Deve ser impresso em duas vias, uma das vias acompanha a mercadoria e a outra deve ser conservada em arquivo pelo emitente pelo prazo previsto no artigo 202 de RICMS. Deve constar no corpo do DANFE a expressão “DANFE impresso e contingência”;
  • FS/FS-DA – Impresso em decorrência de problemas técnicos. Deve ser impresso em duas vias, sendo uma para acompanhar o trânsito da mercadorias e outra para ser conservada em arquivo do emitente pelo prazo previsto no artigo 202 do RICMS. Deve constar no corpo do Danfe a expressão “Impresso em decorrência de problemas técnicos”.

Leia também: Saiba como emitir nota fiscal em contingência passo a passo

Confira este infográfico com as principais informações do DANFE nota fiscal:

O que é Danfe Nota Fiscal?

Resumindo sua pergunta: “O que é DANFE nota fiscal”

O DANFE (Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica) serve apenas como instrumento auxiliar para consulta da NF-e.

Com a utilização da chave de acesso, permite a confirmação nas páginas das Secretarias de Fazendo estaduais ou na Receita Federal do Brasil a existência de uma NF-e, e que tenha tido seu uso regulamentado.

Já a nota fiscal eletrônica é um documento de existência apenas digital emitido e armazenado eletronicamente para documentar uma operação de circulação de mercadorias ou uma prestação de serviços.

Entendeu agora o que é DANFE nota fiscal?

Ótimo!

Mas, aproveite para revisar as informações principais sobre o que é Nota Fiscal:

O que é emissão de Nota Fiscal

Automatize a emissão de suas Notas Fiscais!

Consulte nossa ferramentas acessando https://nfe.io/ e dê uma turbinada nos seus negócios. Dessa forma, você vai ganhar rapidez e produtividade!

Disponibilizamos um serviço de acesso aos dados (IAPI REST) que permite consultar os dados extraídos diretamente de diferentes fontes, como Receita Federal, Correios, Simples Nacional, IBGE entre outros. Assim em menos de 2 horas sua equipe de desenvolvimento poderá integrar nossa IAPI e seu sistema.

Além disso, o NFe.io é um sistema automatizado de emissão e gerenciamento de Notas Fiscais. Assim, ele pode proporcionar uma série de outras vantagens ao sue negócio, tais como:

  • Cálculo automático dos impostos;
  • Os arquivos XML e HTML são gerados e enviados aos clientes por e-mail;
  • Reenvio de notas automático caso o site da prefeitura esteja fora do ar;
  • Dá desconto no certificado digital;
  • Guarda suas notas em local seguro na nuvem  automaticamente;
  • Emissão notas fiscais de vários CNPJs para diferentes municípios  sem sair do sistema.

Isso sem falar em seu painel de controle das Notas Fiscais emitidas. Ele permite encontrar as informações que você procura, além de monitorar suas emissão e faturamento.

Veja como ele é prático e intuitivo:

como organizar o financeiro de uma empresa

Ficou interessado em saber mais sobre o Nfe.io? Então, clique aqui e marque uma conversa agora mesmo!

Confira também em nosso blog: Como emitir DANFE: passo a passo e 7 dicas que você não pode deixar de seguir

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 4