Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

O que é e como receber pagamento recorrente

Aprenda o que é, como funciona para receber pagamento recorrente, suas vantagens e boas opções de prestadoras desse tipo de serviço. O pagamento recorrente tem se tornado uma opção cada vez mais usada por academias, escolas, cursos de idiomas, serviços de assinatura e empresas SaaS.

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Oferecer um produto ou serviço que os clientes queiram comprar repetidamente é um grande negócio.

O ideal é quando seus clientes não precisam se lembrar de enviar pagamentos para cada produto comprado ou mês de serviço prestado.

A utilização de pagamentos recorrentes oferece a opção de  receber por seus serviços automaticamente.

Ele otimiza a experiência de checkout e facilita muito a previsão do fluxo de caixa.

Em suma, os pagamentos recorrentes são repetidos. É quando você é cobrado de forma automática por itens (clubes de assinatura) ou serviços que são disponibilizados regularmente.

É um sistema utilizado para pagamento de serviços contínuos, assinatura ou mensalidade.

Tecnicamente, os serviços recorrentes são aqueles que não são prestados de uma única vez, mas em intervalos regulares.

Geralmente é usado por empresas de telecomunicações (principalmente TV a cabo) e serviços públicos (água, energia).

Clubes de assinatura (glambox), serviços de streaming (Spotify e Netflix), revistas e academias também são exemplos.

Outro tipo de empresa que usa muito esse modelo de pagamento são as SaaS, que fornecem acesso a softwares mediante pagamento de uma assinatura mensal.

Saiba mais: O que é o pagamento recorrente? Veja as vantagens para seu negócio e seus clientes

O processo para receber pagamento recorrente funciona assim:

O cliente escolhe a opção de pagamento recorrente, tendo que aceitar os termos e condições e aguardar uma autorização.

Precisa, então, inserir as informações para os pagamentos (cartão, débito em conta, etc.).

A partir desse passo, o cliente será cobrado automaticamente por um determinado período ou até que cancele a assinatura.

O pagamento recorrente cresce a cada ano e se transformou em uma das tendências mais importantes em marketing digital.

Com a vinda da computação em nuvem e, especialmente, com softwares que cobram uma taxa mensal pelo serviço do (SaaS), as opções de faturamento recorrente aumentaram.

Como receber pagamento recorrente: 4 empresas

A primeira coisa que devemos saber é que existem diversas empresas que oferecem esse serviço para os vendedores.

No Brasil, as mais conhecidas são: PagSeguro, PayPal, Pagar.me e Moip. De uma forma geral não existem grandes diferenças entre os serviços oferecidos.

É importante prestar atenção em alguns aspectos antes de escolher a empresa e começar a receber pagamento recorrente.

Ter em mente quais tipos de pagamento você deseja aceitar é o primeiro passo.

Saber o que cada empresa oferece pode ajudar na escolha do melhor plano para receber pagamento recorrente. Portanto, aí vão algumas informações:

Todas as empresas oferecem variados tipos de pagamento para o comprador: cartão de crédito, débito em conta e boleto.

Também contam com algum sistema de proteção ao comprador para garantir a segurança dos dados na compra.

A empresa Pagar.me oferece um serviço bastante útil, que é o de proporcionar ao cliente a possibilidade de testar seu serviço por um período de maneira gratuita antes de efetuar a cobrança.

Já a empresa Moip promete que, de forma simples e rápida, você pode criar promoções e oferecer cupons de desconto em suas assinaturas. Pode ser também um grande diferencial.

Mas, quanto ao serviço principal por todas oferecidas, elas apresentam planos flexíveis, de modo que a escolha entre um e outro vai depender da oferta de maior vantagem para o vendedor.

Veja também: Meios de pagamento: cobrança recorrente no boleto funciona?

Quanto as empresas pagam pelos pagamentos recorrentes?

Quanto aos valores, a Pagar.me não os informa no seu site e pede que os interessados entrem em contato para mais informações.

PagSeguro

O PagSeguro não cobra mensalidade nem taxa de adesão. Você só é descontado quando você vende.

São oferecidos dois planos: 3,99% + R$0,40 por transação e você recebe seu dinheiro em 30 dias ou 4,99% + R$0,40 por transação e recebimento do seu dinheiro em 14 dias. (Dados de 2018)

PayPal

O PayPal também só cobra por venda. Vendas no Brasil: recebimento em 24 horas à vista por 4,99% + 2,39% a cada parcela + R$ 0,60 fixo por cada transação ou recebimento em 30 dias por 3,60% + 2,39% a cada parcela + R$ 0,40 fixo por cada transação. (Dados de 2018)

Moip

As tarifas da Moip são: 5,49% + R$0,69 por transação com cartão de crédito; R$3,49 por transação com boleto; e, 3,49% + R$0,69 por transação com débito on-line. Prazo de repasse padrão: 14 dias. (Dados de 2018)

Agora que você sabe um pouco mais sobre como receber pagamento recorrente, boas vendas!

Como gerenciar a emissão de suas notas fiscais recorrentes?

Já pensou na enorme quantidade de notas fiscais que terá que emitir?

Com um gerenciador de notas fiscais como o NFe.io você pode integrar seu sistema de cobrança e emitir a notas automaticamente.

Além disso, ele já gera os arquivo XML e HTML, além de oferecer serviços de consulta de CNPJ e CPF e contar com desconto na emissão de certificado digital.

Confira: Gerenciador de nota fiscal eletrônica: conheça o NFe.io

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 1