Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

Gestão de startup: 7 dicas para ser mais eficiente e manter a empresa relevante e competitiva no mercado

Gabriel MarquezGabriel Marquez

As startups são modelos de negócio calcados na inovação e na escalabilidade. Uber, Spotify, Netflix, AirBnb e Facebook são exemplos de startups que deram muito certo e que hoje possuem um valor de mercado avaliado em bilhões de dólares.

No entanto, muitas startups não conseguem chegar nem perto do sucesso que essas grandes empresas alcançaram. No Brasil, por exemplo, cerca de 25% das startups não completam o primeiro ano de vida; 50% não chegam ao quarto ano.

Veja mais dados dessa pesquisa:

Gestão de startup

E um dos principais motivos para essa realidade é a gestão pouco qualificada. O sucesso de uma startup está diretamente relacionado à forma com que seus gestores a conduzem.

Pensando nisso, elaboramos este artigo com 7 dicas fundamentais de como promover uma eficiente gestão de startup. Continue a leitura e saiba quais boas práticas você deverá implementar na administração do seu negócio para manter a sua startup competitiva e relevante no mercado.

Leia também: Eventos para startups: 7 dicas para ficar de olho e se programar com antecedência

7 dicas para uma boa gestão de startups

1 – Construa um plano de negócios bem estruturado

A primeira dica para uma gestão eficiente de startup é a elaboração de um plano de negócios bem estruturado.

É por meio desse plano que ficarão definidas as estratégias da sua startup, as projeções de gastos, de faturamentos e de lucros, os objetivos de médio e de longo prazo, etc.

Uma ferramenta muito utilizada para atender a essa finalidade é o Modelo de Negócios Canvas. Trata-se de um quadro que contempla os 9 aspectos essenciais de um negócio:

  • Propostas de valor;
  • Segmentos de clientes;
  • Relacionamento com clientes;
  • Canais;
  • Atividades-chave;
  • Recursos-chave;
  • Principais parceiros;
  • Estrutura de custos;
  • Fluxos de receita.

Gestão de startup

Fonte: Os Papas

Com o Canvas, é possível visualizar o seu plano de negócios com mais clareza. Além disso, a sua construção é bem ágil, algo essencial para startups que buscam otimizar ao máximo o tempo.

2 – Mantenha suas equipes organizadas

Saber organizar a força de trabalho que se tem disponível também é fundamental para uma boa gestão de startup.

Nesse sentido, é importante conhecer bem seus colaboradores e alocá-los em tarefas que estejam de acordo com suas habilidades. Certifique-se de que todos estejam plenamente cientes das metas individuais e coletivas.

3 – Incentive a criatividade

A eficiente gestão de uma startup também passa pelo incentivo à criatividade dos colaboradores e à inovação.

Afinal, é difícil ter inovação se as equipes não têm liberdade para exercerem sua criatividade e contribuir com suas ideias.

4 – Tenha processos bem definidos

Sem processos bem definidos, dificilmente será possível promover uma gestão de qualidade da sua startup.

É preciso que todas as etapas de seus processos estejam claras para as equipes. Assim, será possível garantir maior fluidez e agilidade aos fluxos de trabalho

5 – Mantenha suas contas sob controle

Faz parte também da gestão de startup manter as contas sob controle. Monitore constantemente seus indicadores financeiros, como nível de endividamento, retorno sobre investimento, faturamento, etc.

A má gestão das finanças é o que costuma levar muitas startups a fecharem as portas. Portanto, evite desperdícios, identifique e estanque gargalos e saiba estabelecer prioridades na hora de decidir onde alocar seus recursos financeiros.

Leia mais: Dicas para fazer uma boa gestão de indicadores financeiros

6 – Comunique-se com transparência

A comunicação é a chave para uma gestão de qualidade. Quanto mais transparente você for com os seus colaboradores em relação a metas, objetivos, tarefas, rotinas e expectativas, melhores serão os seus resultados.

Além disso, uma comunicação transparente e eficiente fomenta o engajamento das equipes e o trabalho colaborativo e evita falhas de execução de retrabalhos.

7 – Faça uso de ferramentas tecnológicas

A tecnologia não só pode como deve ser utilizada na gestão de startup. Existem várias ferramentas com grande potencial para se tornarem fortes aliadas da sua gestão nos mais diferentes aspectos.

O Trello, por exemplo, é muito útil no gerenciamento de equipes e de projetos. Já o CRM do Agendor é ótimo para as suas estratégias de relacionamento com o cliente. Inclusive, existe uma versão gratuita dessa plataforma para startups.

O Google Drive, por sua vez, é um excelente espaço para criação de documentos, planilhas e apresentações, além de permitir o armazenamento de arquivos na nuvem e o compartilhamento dos mesmos.

DICA: Como conseguir investimento para startup? 6 dicas para angariar recursos e financiar a sua ideia

Essas foram as nossas 7 dicas para gestão de startup. Coloque-as em prática para que a sua startup possa se desenvolver e atingir os resultados que você deseja.

Saiba mais: Contabilidade para startups: 5 dicas valiosas para colocar em prática agora mesmo e melhorar as rotinas contábeis da empresa

Veja mais dicas neste vídeo da Band:

Use um gerenciador de notas fiscais e ganhe tempo para fazer o que gosta

Quem abre uma startup, normalmente, é apaixonado por seu negócio e, dessa forma quer se dedicar aos aspectos mais estratégicos da empresa.

Por isso, use ferramentas de automação de tarefas, como um gerenciador de notas fiscais. Assim você e sua equipe podem deixar essas atividades burocráticas em segundo plano e se dedicar totalmente a aperfeiçoar sua empresa e conquistar clientes.

Veja algumas das funcionalidades do gerenciador de notas fiscais NFe.io: 

  • Painel de controle com gráficos e estatísticas, evolução mensal de seu negócio e motivo de recusa de notas, assim você pode tomar as melhores decisões;
  • Possibilidade de usar mais de uma empresa em sua conta, dessa forma é possível até usar o modo de revenda;
  • Capacidade de emitir notas fiscais de vários CNPJs para diferentes municípios sem sair do sistema;
  • Certificado Digital: a NFe.io é compatível com o certificado digital e-CNPJ A1 – veja também o cupom de desconto para comprar o seu!
  • Os arquivos XML e HTML são gerados e enviados aos clientes por e-mail;
  • Reenvio de notas automático caso o site da prefeitura esteja fora do ar;
  • Diversas integrações via API com outros sistemas, como seu financeiro, por exemplo.

Gostou do que leu? Então, marque uma conversa agora mesmo!

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 0
There are currently no comments.