Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

Tipos de chatbot: 5 maneiras de aumentar o engajamento e a experiência do usuário

Confira os 5 principais tipos de chatbot e saiba como eles podem melhorar a experiência do usuário e os resultados da sua empresa.

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Os chatbots são uma tendência de marketing que tem ganhando força no mundo corporativo. Várias empresas, das mais nichadas até as grandes organizações, estão fazendo o uso dessa tecnologia e experimentando bons resultados.

Chatbots hoje vêm em “todas as formas e tamanhos” e com diferentes níveis de capacidades.

Neste artigo, vamos falar sobre os principais tipos de chatbot, que vão além de simples robôs que trocam mensagens automatizadas.

Continue a leitura e saiba qual chatbot é mais adequado para o seu negócio.

Confira em nosso blog: Confira as 8 principais tendências para ecommerce em 2019

5 tipos de chatbot para implementar no seu negócio

Você sabe o que são chatbots? É provável que sim, mas para que você fique ainda mais por dentro assunto, trouxemos este vídeo da Nerdologia Tech. Então, assista e aproveite, é divertido!

1 – Chatbots otimizadores

Otimizar tarefas e processos é basicamente a função de todo bot. No caso dos chatbots otimizadores, o objetivo é facilitar a experiência do usuário.

Se o usuário precisa comprar alguma coisa ou simplesmente obter algum tipo de atendimento, o chatbot consegue fazer isso com maior eficiência do que aplicativos e websites com interface tradicional.

Assim, de maneira fluida e amigável, os chatbots otimizadores apresentam uma interface conversacional que minimiza os atritos existentes nesses outros métodos.

A Domino’s Pizza, por exemplo, lançou um chatbot por meio do Facebook Messenger. Ele permite que seus clientes façam pedidos de forma fácil e rápida. Já a Starbucks, em parceria com a Alexa (assistente virtual criada pela Amazon), criou um chatbot que possibilita aos seus consumidores fazerem pedidos por comandos de voz.

Você já conhecia esse chatbot? Então, dê uma olhada:

2 – Chatbots escudo

Dando sequência à nossa lista de tipos de chatbot, temos os chatbots de escudo. Eles atuam na linha de frente do atendimento. São eles que recebem reclamações e esclarecem as dúvidas mais frequentes dos usuários.

Esse tipo de chatbot é considerado como uma subcategoria dos otimizadores. Sua função é evitar situações desagradáveis que seriam mais difíceis de líder por telefone, por exemplo.

Se você tem uma empresa de ecommerce, um chatbot de escudo pode te ajudar a lidar com devoluções de produtos, por exemplo. Para isso, basta desenvolver um software devidamente programado que permita ao cliente digitar o número do pedido e receber todas as instruções para o processos de devolução.

3 – Chatbots conversacionais

Os chatbots conversacionais são robôs criados para conversar com os usuários. No Brasil, o maior exemplo desse tipo de chatbot talvez seja o Robô Ed.

Desenvolvido para a Petrobras, criação desse robô envolveu o trabalho de uma equipe multidisciplinar, composta por especialistas em Inteligência Artificial, Computação Gráfica e Linguística, além de escritores e profissionais especializados em petróleo, gás e energia.

O objetivo era criar um personagem virtual com a capacidade de conversar com os usuários do site como se fosse uma pessoa de verdade.

Voltado ao público infanto-juvenil, o Robô Ed ensina, entretém e responde perguntas relacionadas a assuntos como uso racional de derivados do petróleo, economia de energia e cuidados com o meio ambiente.

Você pode usar o chatbot conversacional para “dar vida” a algum mascote da sua empresa e aumentar o engajamento com o seu público nas redes sociais.

Saiba mais: O que é chatbot: Tudo sobre a ferramenta tecnológica que vem conquistando grandes empresas de sucesso

4 – Chatbots proativos

Em vez de os clientes recorrerem ao chatbot em busca de uma solução, é o chatbot que envia mensagens para o cliente.

Os chatbots proativos são desenvolvidos para iniciar conversas com o usuário. O que ele faz é monitorar a atividade online do usuário e, ao detectar alguma dificuldade ou dúvida, o robô envia uma mensagem com sugestões ou instruções que solucionem seu problema.

Esse tipo de chatbot pode também enviar notificações sobre descontos, promoções e recomendações. Além disso, se o seu cliente estiver passando perto da sua loja, por exemplo, o chatbot proativo pode enviar uma mensagem alertando-o sobre alguma oferta exclusiva.

Com o chatbot proativo, você consegue executar um marketing mais direcionado e fazer a diferença nos seus resultados de venda.

No entanto, vale lembrar que esse tipo de bot deve ser usado com cautela. Caso contrário, o usuário pode se irritar com tantas notificações desnecessárias

5 – Chatbots sociais

Os chatbots sociais encerram a nossa lista de tipos de chatbots. Eles são utilizados por empresas que querem promover um engajamento maior com seu público, receber feedbacks ou consultar a opinião de seus usuários sobre alguma coisa.

Com esse tipo de bot, é possível criar enquetes e realizar pesquisas com os usuários.

O Tinder Stacks é um bom exemplo dessa categoria de chatbot. A ferramenta permite utilizar a lógica de decisão do aplicativo de relacionamentos (deslizar para a direita, “sim”; deslizar para a esquerda, “não”) para qualquer assunto.

Se, por exemplo, você quer mudar a identidade visual da sua empresa, é possível utilizar o Tinder Stacks para enviar diferentes opções de logo para seus clientes e deixar que eles decidam.

Esse alto potencial de engajamento será como um diferencial competitivo para o seu negócio.

Ficou claro os principais tipos de chatbot? Lembre-se de que o chatbot ideal é aquele que melhor se adapta à proposta de valor que você está tentando transmitir aos seus clientes.

Veja também: Conheça as 6 ferramentas de automação de processos que vão aumentar sua produtividade e otimizar seus resultados

Automatize a gestão de suas notas ficais e seja mais produtivo

Se chatbots podem automatizar alguns processos complexos, por que não automatizar tarefas repetitivas, como emiti notas fiscais?

Com o NFe.io você faz o cálculo dos impostos automaticamente e, em seguida, já emite e gera os arquivos XML e HTML, que são enviados na hora para os clientes,  via e-mail.

Além disso você pode usar um painel de controle com todos os dados de suas notas fiscais, que estão armazenas e seguras. Ah, pode também fazer consultas automatizadas de CPF e de CNPJ.

Ficou interessado? Então, clique AQUI e converse com a gente!

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 0
There are currently no comments.