Como gravar videoaulas? 7 dicas de gravação + 13 sugestões de programas que vão lhe ajudar!

Tempo de leitura: 7 minutos

Para atuar no mercado EAD, ensino a distância, é essencial saber como gravar videoaulas. Afinal, esse é um importante recurso para a entrega de conteúdos de cursos on-line.

Ainda que seja possível oferecer aos alunos slides, textos, planilhas, e-books, entre outros formatos, os vídeos tendem a ser bastante consumidos, especialmente devido a sua praticidade.

Inclusive, uma pesquisa apontou que o consumo de áudio e de vídeo on-line aumentou no Brasil. De acordo com o levantamento, 70% dos internautas afirmam terem assistido vídeos ou ouvido áudios on-line em 2019.

Quer crescer o faturamento do seu curso?

Veja os 4 Conhecimentos que você precisa ter para transformar sua escola em um negócio online de alta gestão

Prepare-se para crescer
Te ajudamos a crescer e otimizar o seu negócio!
Preciso desse conhecimento

Outro estudo mostrou que os conteúdos em formato de vídeo ainda são os mais populares entre todas as faixas etárias. Durante o tempo livre na internet, 40% dos entrevistados disseram passar assistindo vídeos. 

Ou seja, saber como gravar videoaulas é uma maneira de atingir mais público e tornar o seu curso on-line mais atrativo e, consequentemente, aumentar o seu faturamento.

Na dúvida de como criar vídeos realmente incríveis? Então confira estas 7 dicas que separamos para lhe ajudar!

7 dicas incríveis de como gravar videoaulas

Para saber como gravar videoaulas de qualidade e atrativos nossas dicas são:

  1. Defina o seu público
  2. Escolha os temas que serão abordados
  3. Elabore o roteiro do vídeo
  4. Escolha o seu equipamento de filmagem
  5. Prepare o local da gravação
  6. Pense em um diferencial para oferecer
  7. Faça uma boa edição dos conteúdos

1. Defina o seu público

Para quem você vai falar? Essa definição é o primeiro passo para quem quer saber como gravar videoaulas. 

Essa identificação vai ajudar a determinar qual deve ser a linguagem utilizada, o vocabulário, a profundidade dos temas, entre outros pontos.

2. Escolha os temas que serão abordados

Definido o seu público, hora de escolher qual tema é o foco da videoaula que será gravada. 

É importante considerar que, em um mesmo segmento, muitas questões podem ser abordadas. 

Por exemplo, se você ensina sobre marketing digital, pode criar um vídeo voltado para marketing de conteúdo, sobre Inbound Marketing, entre outras possibilidades.

A ideia é separar os temas para que o videoaula fique realmente rico e não confunda os alunos.

3. Elabore o roteiro do vídeo

Feito isso, o próximo passo de como gravar videoaulas é escrever o roteiro. 

Nota fiscal emitida em massa via excel?

Na NFE.io você conta com emissão de notas fiscais de serviço em massa via Excel. O que acha?

Emita muitas NFS-e sem burocracia!
Disponibilizamos para você a alternativa de emitir via excel, de forma simples, rápida e eficiente.
Experimente gratuitamente!

Esse direcionamento é essencial para que você saiba exatamente o que deve dizer e em qual ordem, garantindo que nenhuma informação seja esquecida.

Aqui, vai uma dica extra: tire um dia, ou um período, para escrever o roteiro de todos os vídeos que pretende gravar.

Além de aumentar a sua produtividade, isso ajuda a ligar um conteúdo ao outro, gerando uma sequência e contribuindo para que os alunos continuem a assistir as suas aulas.

4. Escolha o seu equipamento de filmagem

O equipamento de filmagem é um ponto de grande preocupação para quem busca saber como gravar videoaulas.

Muitos pensam serem necessárias câmeras caras e iluminação (quase) profissional. Lógico que, quanto mais recursos os equipamentos tiverem, melhor será a qualidade do vídeo. No entanto, mesmo sem ter nada disso, saiba que você pode criar conteúdos incríveis! 

Os smartphones atuais contam com câmeras com ótimas resoluções e microfones que permitem gravar áudios com nitidez.

Se esse for o recurso que tem no momento, pode começar a gravar as suas videoaulas sem medo. Nossa dica é apenas adquirir um tripé, suporte que vai facilitar bastante durante o processo de gravação.

5. Prepare o local da gravação

O local de gravação influencia não apenas no áudio e na iluminação dos seus vídeos, mas também na impressão que os seus conteúdos passam.

Por isso, é preciso escolher um local livre de ruídos externos, com boa luz, mas também visualmente bonito e, se possível, relacionado com o tema que está abordando.

O cenário escolhido também ajuda a transmitir credibilidade e profissionalismo para o seu curso, além de contribuir para chamar a atenção dos alunos.

6. Pense em um diferencial para oferecer

Sabemos que muitas pessoas estão trabalhando com cursos on-line. Isso não podemos negar, certo?

Por isso, uma das etapas de como gravar videoaulas que realmente sejam atrativas é ter um diferencial.

Você pode, por exemplo, encontrar uma didática ou metodologia de ensino diferente, mais dinâmica, ou mesmo oferecer um conteúdo exclusivo para quem assistir todas as aulas.

A ideia aqui é encontrar algo que diferencie e destaque o seu curso dos concorrentes.

Não deixe de ler “Como fazer seus vídeos terem mais acessos no YouTube: 14 dicas que vão te ajudar a alavancar as visualizações e faturar mais na plataforma

7. Faça uma boa edição dos conteúdos

Por fim, é preciso fazer a edição da sua videoaula. Essa etapa tem como objetivo tirar os erros do vídeo, eliminar pausas desnecessárias que estão deixando o conteúdo muito longo, ajustar o som etc.

Aproveite também para acrescentar uma boa trilha sonora, compatível com o seu público e com o tema, bem como uma vinheta de introdução, isso ajuda a deixar o conteúdo mais profissional e interessante.

13 programas para gravar e editar aulas on-line

A última dica de como gravar videoaulas gerou apreensão? Não precisa se preocupar! 

Trouxemos também uma lista dos melhores programas para editar vídeos. Inclusive, muitos permitem gravar e fazer a edição. São eles:

Aproveite e confira também estas dicas sobre gravação de videoaulas do canal Luciano Larrosa:

Dicas extras de como gravar videoaulas de sucesso!

Gostou das nossas dicas de como gravar videoaulas? Pois temos mais algumas que vão lhe ajudar a criar os melhores conteúdos:

  • Se ainda não tiver tanta desenvoltura na frente da câmera, pegue o seu celular e grave vídeos pequenos, sem roteiro mesmo, sobre qualquer tema, e envie para amigos e familiares. Isso vai ajudar a se habituar com o vídeo e lhe dar mais confiança.
  • Aja naturalmente, evite tentar passar uma imagem que não condiz com quem você é. Quanto mais verdadeiro forem os seus vídeos, maiores as chances de conquistar o público
  • Tenha objetividade nas suas falas. Ou seja, evite repetir uma mesma informação de formas diferentes, isso deixa o conteúdo cansativo.
  • Atente-se à velocidade da sua fala e ao tom da sua voz.
  • Indique ao aluno os próximos passos. Por exemplo, finalize o vídeo orientando sobre qual vídeo ele deve assistir em seguida, ou dê uma prévia do outro conteúdo que será liberado na sua plataforma de curso on-line.
  • Descubra o que o seu público quer, isso ajuda a criar videoaulas que realmente sejam interessantes. Um caminho para isso é fazendo uma pesquisa nas redes sociais. Se já tiver um perfil da sua empresa no Instagram, por exemplo, pode abrir uma caixa de perguntas no Stories e pedir para que os seus seguidores digam o que desejam aprender.

Tudo pronto! Hora de vender o seu curso, certo? 

Leia o artigo “Como vender curso online: 9 dicas para monetizar seus conhecimentos sem precisar sair de casa” e confira como fazer isso!


Quer receber mais conteúdo de graça?

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de empreendedorismo.

Comente

Deixe seu comentário abaixo. O seu e-mail não será divulgado.


Salvar meu nome e e-mail para os meus próximos comentários.
Ao clicar em comentar, você declara que aceita a nossa política de privacidade.

Está cansado de emitir as notas fiscais da sua empresa uma por uma?

Sabemos que é um processo muito chato e repetitivo. Você não precisa mais gastar tempo com isso, sabia ?

QUERO GANHAR TEMPO
x