Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

Como melhorar o setor financeiro de uma empresa: 5 dicas que funcionam!

Entenda como melhorar o setor financeiro de uma empresa. Confira 5 procedimentos importantes para fazer uma gestão financeira eficiente em seu negócio: faça o planejamento fiscal, atenção ao fluxo de caixa, controle os custos e mais dicas.

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Para que um gestor consiga impulsionar o crescimento e aumentar sua rentabilidade, é preciso que saiba como melhorar o setor financeiro de uma empresa.

A gestão financeira, quando feita de maneira inadequada, torna-se uma das principais causas que levam uma empresa a fechar as portas.

De acordo com dados do IBGE, quase 50% das empresas que abrem no Brasil encerram suas atividades em menos de três anos.

No entanto, ainda é bastante comum as empresas concentrarem seus esforços mais na produção do que no gerenciamento, o que acaba colocando a saúde dos negócios em risco.

Mas, afinal, você sabe como melhorar o setor financeiro de uma empresa e sua importância para os negócios?

Confira agora a resposta para essa pergunta e veja 5 dicas de como fazer o controle financeira de uma empresa.

Veja também em nosso blog: Passo a passo: Exemplo de plano financeiro de uma empresa

Como melhorar o setor financeiro de uma empresa?

Toda empresa precisa cumprir as suas obrigações financeiras com funcionários, fornecedores, órgãos governamentais e outros stakholders.

Por outro lado, também recebem recursos provenientes de suas atividades fim, a comercialização de bens e serviços que geram os recursos necessários para honrar seus compromissos.

Quem deseja saber como melhorar o setor financeiro de uma empresa deve conseguir balancear a entrada e saída desses recursos, para promover um superávit em suas contas suficientes para garantir um bom lucro e ainda reservar um montante de capital para investimentos.

É possível, também, conseguir capital de terceiros, por meio de empréstimos, por exemplo, para alavancar esses recursos e conseguir investir na empresa.

5 dicas de como melhorar o setor financeiro de uma empresa

1 – Elabore um planejamento fiscal

O planejamento fiscal é uma importante ferramenta de gestão. Ele permite que o gestor tenha uma visão mais ampla e de longo prazo em relação às atividades dos seu negócio e suas respectivas tributações.

Dessa forma, cabe à gestão fiscal lidar com os aspectos tributários da organização, buscando controlar e acompanhar todas as atividades que se relacionam diretamente com os tributos.

A gestão fiscal envolve praticamente todos os departamentos da empresa, tendo em vista que cada setor desempenha atividades que interferem na tributação. Ou seja, o foco da gestão fiscal não se limita ao pagamento de impostos.

Por meio de uma boa gestão fiscal, é possível obter informações valiosas para a definição de metas, elaboração de planejamentos, saúde financeira e cumprimentos de normas legais. Além disso, a gestão fiscal otimiza o recolhimento de tributos, assegura a regularidade da empresa perante o Fisco e contribui para a margem de lucro.

Com um planejamento fiscal bem elaborado, é possível criar reservas para eventuais imprevistos e traçar estratégias mais assertivas. Aquele que se planeja de forma eficaz consegue prever certas adversidades e impedi-las de se tornarem um empecilho para o crescimento da empresa.

Veja mais: Entenda o que é gestão fiscal e confira dicas para usar em seu negócio

2 – Analise o seu fluxo de caixa

Em linhas gerais, o fluxo de caixa trata das movimentações financeiras de uma empresa; ou seja, o que entra (receitas) e o que sai (despesas) durante determinados períodos.

O fluxo de caixa auxilia as tomadas de decisão e otimiza o desempenho financeiro do negócio. Sua análise permite ao gestor identificar gargalos e fazer projeções que auxiliam na elaboração do planejamento financeiro (dica 1, lembra?).

A empresa que conhece bem os seus prazos médios para pagamento e recebimento e consegue projetar o seu fluxo de caixa é capaz de suportar os meses de baixa sem prejudicar a sua margem de lucro.

A projeção do fluxo de caixa precisa ser feita periodicamente, geralmente a cada três meses.

3 – Gerencie os custos e as despesas

Os custos representam os gastos relativos à aquisição ou produção de mercadorias:  matéria-prima, mão-de-obra, equipamentos, manutenção, etc.

As despesas, por sua vez, são os gastos necessários para que a empresa mantenha-se funcionando: salários de funcionários, marketing, materiais de escritório, etc.

Dessa forma, gerenciar e reduzir os custos e as despesas de maneira eficaz contribui para a lucratividade da empresa e fornece informações valiosas para a gestão financeira, independente do porte da empresa.

4 – Faça o controle eficiente das notas fiscais

Organização é a palavra-chave para se fazer um controle eficiente das notas fiscais.

Assim sendo, separe um local específico para armazená-las e as organize da maneira que achar mais conveniente: por data, por tipo, por entradas e saídas, por cliente, etc.

Em se tratando de notas fiscais eletrônicas, o ideal é que o armazenamento seja feito online, pois garante mais segurança e praticidade para acessar.

A utilização de um software para gerenciar suas notas fiscais é uma boa opção de como melhorar o setor financeiro de uma empresa e otimizar o tempo, ao automatizar tarefas repetitivas.

A NFe.io possui uma plataforma para emissão de nota fiscal que pode te ajudar (e muito!).

Que tal calcular impostos automaticamente, emitir notas de maneira ágil e ainda poder gerar um painel de controle detalhado sobre as operações? Experimente!

Como melhorar o setor financeiro de uma empresa

5 – Faça auditorias periódicas

É de extrema importância que a empresa mantenha em dia com suas obrigações legais.

Porém, é comum que alguns detalhes fiscais passem despercebidos. Por isso, contratar uma empresa de auditoria externa pode ser uma boa idéia para verificar possíveis falhas processuais e corrigi-las o quanto antes.

Geralmente, as auditorias costumam apontar que o regime tributário escolhido para a empresa não é o mais adequado.

Agora que você já sabe como melhorar o setor financeiro de uma empresa, o que acha de colocar essas nossas dicas em prática?

Não deixe de compartilhar a sua experiência com a gente nos comentários!

Outras vantagens do NFe.io para seu negócio

Com o NFe.io você tem caesso a uma plataforma de emissão de notas fiscais já integrada com diversos municípios por meio de uma única interface, com API aberta, facilitando muito o seu trabalho e aumentando sua produtividade.

Se você é desenvolvedor confira nosso Open Source

O NFe.io também é excelente para quem recebe pagamentos recorrentes e precisa emitir notas fiscais em grande quantidade, como academias, cursos online, ou SaaS, e quer agilizar esse processo e diminuir custos.

Saiba mais: Gerenciador de nota fiscal eletrônica: conheça o NFe.io

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 1