Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

O que é computação em nuvem e porque sua empresa deve usar

Entenda o que e computação em nuvem, as vantagens deste conceito para sua empresa e como usar agora mesmo em seu negócio.

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Além de ser mais seguro armazenar arquivos “nas nuvens” que em um servidor local, o Cloud Computing ou computação em nuvem torna a rotina administrativa muito mais fácil e já é uma técnica muito utilizada por empresas de diversos segmentos.

Porém, não é raro encontrar pessoas que já trabalham com esse formato de hospedagem de arquivos sem compreender, realmente, a grande transformação que o conceito de computação em nuvem representa para os processos de comunicação e Tecnologia da Informação.

Planilhas, textos e, até mesmo, softwares e aplicativos podem ser consultados, modificados e atualizados online, por vários usuários, em alguns casos simultaneamente, oferecendo a comodidade e eficiência do trabalho remoto, reduzindo a possibilidade de perda de dados, que pode ocorrer facilmente quando os arquivos são transportados em pen drives ou outros hardwares.

Nesta postagem você vai entender melhor o que é computação em nuvem e como usá-la em seu negócio.

Confira também em nosso blog: Dicas de melhorias de processos para uma empresa que você pode implementar agora mesmo

O que é computação em nuvem e como usar em sua empresa

A empresa que decide adaptar-se à realidade da computação em nuvem conta com inúmeras possibilidades disponibilizadas por gigantes da web, sendo necessário, apenas, escolher o tipo de serviço que mais se enquadra às suas necessidades, em vez de precisar construir sua própria rede online de dados.

Esse avanço tecnológico significa muito para as empresas que investem em técnicas mais sustentáveis, pois elimina a necessidade de grandes infraestruturas para servidores locais, reduzindo o consumo de energia que seria necessária para manter esses equipamentos em constante funcionamento, adequadamente refrigerados e com manutenções periódicas.

Outra realidade da computação em nuvem é a redução da quantidade de impressão de materiais, economizando recursos básicos como o papel e aumentando a agilidade dos processos produtivos.

Mesmo com sua acelerada popularização, é comum que profissionais de diversas áreas não estejam familiarizados com o conceito de computação em nuvem:

O que é computação em nuvem, afinal?

O cloud computing consiste em facilitar a acessibilidade a arquivos e documentos através de uma rede online, ou seja, dependendo exclusivamente da internet.

Por isso, como todo processo de transformação digital e inovação, é essencial que os profissionais sejam orientados e treinados para que possam atuar de forma eficaz com sistemas alocados diretamente em uma rede online, principalmente para que compreendam a grande evolução que o Cloud Computing pode promover para a rotina de trabalho, em todas as áreas.

Veja também: Como terceirizar serviços de TI sem perder a qualidade

Como funciona a computação em nuvem?

Empresas pioneiras da tecnologia, como Microsoft e Google, mantém enormes servidores para a armazenagem de arquivos, assim como um computador armazena seus documentos em casa, mas em regiões distantes. Arquivos armazenados nas “nuvens” estão, portanto, alocados em servidores com alta capacidade de armazenamento e de segurança.

O acesso a esses arquivos é realizado através da internet, com a necessidade de implantar senhas para cada usuário e com a garantia de que esses arquivos estão guardados de forma segura.

Essa segurança é garantida principalmente pela forma com que os arquivos são salvos, normalmente eles são duplicados e alocados em servidores diferentes, assim, caso um servidor fique indisponível, outro sistema garantirá o armazenamento e o acesso aos arquivos, de forma automática, sem que o usuário perceba essa mudança.

Algumas empresas podem ainda segmentar os arquivos em frações menores e armazenar cada uma dessas partes em locais diferentes, evitando que os arquivos sejam acessados por pessoas não autorizadas. A criptografia também é um dos recursos mais eficazes para garantir a segurança dos arquivos guardados em computação em nuvem.

Quais as principais vantagens da computação em nuvem?

Para resumir, confira as duas principais vantagens:

Acessibilidade

Todos os seus arquivos armazenados em nuvem podem ser acessados em qualquer local, desde que exista fornecimento de internet, obviamente. Outro ponto que merece destaque é a possibilidade de acessar os arquivos em qualquer dispositivo, computadores, celulares, tablets, facilitando a consulta e alteração de arquivos.

Não precisa instalar

Qualquer programa, quando armazenado em nuvem, como planilhas eletrônicas, editores de texto, softwares de gestão entre outros, não precisam ser instalados no computador para funcionarem, basta acessar as plataformas online.

Assim é possível economizar espaço em seu computador e evita, ainda, a instalação de arquivos que podem ser maléficos ao sistema, como alguns vírus.

Leia também em nosso blog: 8 dicas infalíveis de como reduzir custos fixos na empresa

É graças a computação em nuvem que sua empresa pode contar, por exemplo, com um software de gestão e emissão de sua notas ficais, como o NFe.io.

Com ele, esse processo é muito mais ágil, os cálculos são feitos automaticamente, os arquivos XML e HTML são gerados, você pode consultar dados de suas transações e muito mais.

Confira mais detalhes aqui.

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 1