Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

O que é a transformação digital nas empresas? Saiba como e quando usar

Entenda o que é transformação digital, como aplicar em sua empresa para se diferenciar no mercado e veja 6 exemplos ao redor do mundo.

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Não, a transformação digital não é um processo que se inicia dentro das empresas, não é nada disso!

A transformação digital nas empresas é um processo que se inicia fora delas. Assim, quando alguma nova tecnologia surge e de alguma forma cria-se uma oportunidade que pode gerar uma vantagem competitiva para o negócio, tem início o processo de transformação digital.

Usar drives compartilhados, tecnologia em nuvem, ferramentas SaaS, inteligência artificial, business inteligence, internet das coisas e tantos outros conceitos inovadores não significa necessariamente que uma empresa está praticando a transformação digital.

Para isso, é preciso que o uso dessa nova tecnologia represente de forma efetiva uma vantagem competitiva para seus negócios, e não apenas a adoção de uma tecnologia nova (ou nem tanto) que está na moda ou que simplesmente equipara sua organização a seus concorrentes.

Agora que você já entendeu que a transformação digital nas empresas é muito mais uma consequência de um bom planejamento estratégico que enxerga oportunidades em novidades tecnológicas do que adotar softwares ou gadgets da moda, confira esse infográfico e saiba mais sobre oq eu não é transformação digital:

transformação digital nas empresas

Fonte: Blog HEFLO

Outro mito da transformação digital: foco exclusivo na experiência dos clientes

Clientes podem ser os grandes beneficiários de um processo de transformação digital em uma empresa, como nos exemplos famosos do Netflix, do Uber e do AirBnB.

Mas o que muitos se esquecem é que a transformação digital também envolve funcionários e, principalmente, processos.

As 3 áreas envolvidas na transformação digital são:

  1. Operações (isso envolve seus funcionários e processos)
  2. Experiência do Cliente
  3. Modelo de Negócio (isso envolve todos os anteriores!)

Entenda o seguinte: o Netflix, por exemplo, já existia com um delivery de filmes clássicos e “cult”, difíceis de encontrar em locadoras de vídeo e DVDs (sim, a Netflix e tão antiga como essas tecnologias “ultrapassadas”).

Até aí, ela não havia usado nenhuma transformação digital, estava sendo disruptiva ao atender os consumidores com algo que a Blockbuster não estava interessada: filmes clássicos com pouca saída.

O negócio da gigante de locação de vídeos (hoje não existe mais, com exceção de uma única loja Blockbuster, no Oregon!) seu negócio era volume e lançamentos.

o que é transformação digital

Vamos entender como a Netflix usou a transformação digital nos 3 níveis citados:

1- Operações

Bem, parece bem lógico: eles usaram uma nova tecnologia, o stream de vídeos, e em vez de receber pedidos por telefone ou pelo site e mandar entregar na casa do cliente, para retirar depois, tratou de montar um catálogo de vídeos online para a pessoa ver na hora.

2- Experiência do cliente

É só reler o parágrafo acima para ver com a experiência do cliente foi totalmente melhorada. Sim, muitas vezes a operação e experiência do cliente estão ligadas quando se usa a transformação digital, mas nem sempre é assim.

Às vezes, só a operação é melhorada, como neste exemplo do uso do Google Glass (sim, ele voltou!) para facilitar a logística na DHL e avida de seus funcionários, além de aumentar a produtividade do negócio.

Confira o vídeo que mostra a inovação digital agindo em processos:

3- Modelo de negócio

Voltando à Netflix. O modelo de negócios de “locação” de vídeos mudou completamente e para toda indústria.

Tanto que as locadoras “físicas” fecharam todos (ou quase todas) e diversos clone da Netflix surgiram, como o Crackle, e o NetMovies, entre diversos outros.

Portanto, aqui vai a fórmula para a transformação digital nas empresas:

  • Ingrediente 1: uma nova tecnologia
  • Ingrediente 2: uma oportunidade de melhoria estratégica identificada
  • Ingrediente 3: causar mudanças significativas em um ou mais destes pontos:
    • Experiência do usuário
    • Processos e funcionários
    • Modelo de negócio

transformação digital nas empresas

Antes de dar uma olhada em nossos exemplos de transformação digital para empresas, confira este quadro resumo que responde as seguintes perguntas sobre transformação digital:

  • Por que fazer?
  • Como fazer?
  • O que envolve?
  • Quais as tecnologias envolvidas?

o que é transformação digital

Fonte: Blog do Nei

Veja alguns exemplos de transformação digital nas empresas

1- Colaboração entre a Pfizer e a IBM para monitorar pacientes em tempo real

Essas duas gigantesda tecnologia mundial se uniram para usar o melhor de seus conhecimentos e expertises para desenvolver um dispositivo de monitoramento remoto de pacientes definitivo.

Com ele, os médicos não terão as informações que precisam para detectar sintomas e fazer diagnósticos somente quando os pacientes se dirigem a seus consultórios ou fazem exames em clínicas especializadas.

Os dispositivos, que podem ser como relógios de pulso ou de outros tipos, mais sofisticados, enviarão as informações, como temperatura, pressão, medição de glicose no sangue, e outras, em tempo real para os médicos.

Veja mais neste vídeo:

2- Deliveroo: entrega de comida por “bikers” autônomos

Nem só enormes conglomerados tecnológicos reconhecidos internacionalmente podem se beneficiar da transformação tecnológica nas empresas.

Algo tão simples quanto bicicletas e restaurantes fastfood também estão na lista de nossos exemplos de transformação digital.

De um lado aquelas pessoas que estão no trabalho ou em casa e querem saborear uma comida que, normalmente, não faz delivery (como McDonald’s, por exemplo).

De outro, pessoas que gostam de andar de bicicleta e querem um emprego autônomo.

Por meio de um aplicativo a empresa Deliveroo uniu consumidores e pessoas interessadas em uma renda “sem patrão” e criou um serviço que logo ficou conhecido como o “Uber do fastfood”.

o que é transformação digital

Dê uma olhada, também, neste vídeo promocional da empresa:

A ideia deu tão certo que logo surgiu o Uber Eats, baseado na mesma ideia, só que usando os motoristas do Uber.

Veja o App do Uber Eats para consumidores:

o que é transformação digital

Portanto, aqui fica mais um alerta: por mais que a transformação digital seja usada em seu negócio de forma criativa, logo surgem os imitadores.

A diferença, no caso do Deliveroo, é que existe toda uma cultura envolvendo os valores da empresa voltados para os benefícios a saúde de seus “entregadores esportistas” e sustentabilidade ambiental gerada por seus “riders” usarem sempre bicicletas, que não emitem gases poluentes.

Empresas de fastfood e franquias em geral, além de empresas de recebimentos recorrentes, como SaaS e academias, por exemplo, sempre devem estar atentas a maniras de diminuir seus custos com ajuda da transformação digital.

Veja em nosso blog: Pagamento recorrente para academia: a solução para agilizar processos e ser mais produtivo

3- Transformação digital nas campanhas online Da Hasbro

Uma das primeiras lições que aprendemos quando estudamos marketing é que existem diversos envolvidos na tomada de decisão de compra.

Além do usuário do produto ou serviço, existem influenciadores e, muito importante, aquela que faz a compra, o “buyer”.

Isso é particularmente óbvio quando se tratam de presentes para crianças, especialidade de da Hasbro, gigante da indústria de brinquedos que comercializa itens icônicos como o famoso “Banco Imobiliário”, conhecido internacionalmente como “Monopoly”.

O que a Hasbro percebeu é que estava direcionado suas campanhas online para crianças, quando deveria fazer isso para outro alvo, além delas: seus pais.

Para isso, usou complexos softwares de “Big Data” para analisar o comportamento de compra dos pais em marketplaces online e começou a anunciar pare eles nos momentos finais de sua jornada de compra, principalmente itens adquiridos “por impulso”

O Resultados?

Um aumento de impressionantes 1.100%  (repetindo: mil e cem por cento!!!) em suas vendas, segundo a revista online Adweek.

A estratégia envolvia inclusive impactar os pais quando faziam compras de material escolar ou roupas para as crianças.

Além disso, com o objetivo de aumentar sua visibilidade online, a Hasbro criou uma série animada para impactar os “bayers” nas redes sociais, como Facebook, Instagram, Twitter, YouTube e Snapchat.

Quer dar uma olhada e um dos episódios?

4- Transformação digital na Telefônica do Brasil

A Telefônica não poderia ficar de fora da transformação digital nas empresas, uma tendência ainda mais importante para que trabalha com tecnologia.

Uma de suas iniciativas é a adoção dos chamados Squads, um novo modelo de trabalho, criado no Vale do Silício.

A tradução de squadas para o português é “esquadrões”.

Tratam-se de células com 7 a 10 profissionais, cada um com especialidade em uma área diferente e complementar às dos demais integrantes, com o objetivo de realizar um projeto específico.

Os squads têm um líder que trata de “fechar” o grupo em torno da tarefa.

Focados em resolvê-la, todos trabalham com mais eficiência, se comunicando com mais agilidade e sem burocracia.

Mas, para que isso aconteça, são usadas as mais novas tecnologias de comunicação – especialidade da Telefônica – para que esses squads possam se relacionar e tomar decisões sem problemas ou ruídos.

Como você viu, esse exemplo de transformação digital nas empresas está focado em processos, impactando diretamente o dia a dia dos colaboradores da empresa.

Confira o vídeo e como isso, no final do processo, também traz benefícios para os clientes da Telefônica:

5- Detectando doenças em plantações em tempo real

A Basf desenvolveu uma ferramenta mobile conectada online que permite identificar a doença que está afetando as plantações e já sugerir qual produto da empresa pode tratar o problema que está afetando as plantas.

Como resultado, os agricultores conseguem defender sua produção com muito mais agilidade, evitando grandes perdas que seriam ocasionadas caso o Fonte: tratamento demorasse a ser identificado e aplicado.

transformação digital

Fonte: Board of Innovation

6- Reposição de peças de turbinas com ajuda de impressoras 3D

Imagine como é importante para empresas aéreas terem seus aviões sempre prontos para decolar, evitando atrasos, seja em viagens de passageiros ou na entrega de cargas ao redor do mundo.

Para isso, se mantém um estoque de peças que não podem faltar, peças fundamentais para o funcionamento de suas aeronaves.

Dentre os principais componentes que não podem apresentar falta de peças de reposição, estão as turbinas.

Agora, imagine o custo de manter diversa peças, chegam a ser centenas, estocadas em cada aeroporto ao redor do mundo para que se evite que uma turbina danificada não possa ser reparada devido a não se encontrar no local a peça necessária.

A GE – General Eletrics – uma das maiores fabricantes de turbinas a jato do mundo está resolvendo esse problema usando uma tecnologia inovadora: a impressão 3D.

Para isso, desenvolveu turbinas com grande parte de peças que podem set “usinadas” de forma ágil e rápida por meio de impressoras 3D, localizadas nos lacais onde as peças são mais necessárias.

Assim, evita um alto custo de estocagem e logística, pois as peças são produzidas na hora, sempre que é preciso. Atualmente, isso ocorre apenas em suas fábricas, mas o objetivo e expandir essa capacidade.

Confira este vídeo que mostra como esse projeto está sendo desenvolvido:

Para fechar o post sobre transformação digital nas empresas, confira este infográfico divulgado pelo Meio&Mensagem:

o que é transformação digital

Transformação digital em sua empresa

Usar a tecnologia em sua empresa não significa unicamente construir turbinas com impressoras 3D ou usar big data em anúncios.

As soluções podem ser tão simples quanto emitir suas notas fiscais de forma automática, gerenciando todo processo por meio de um painel de controle com todas as informações que você precisa.

Você conhece o NFe.io?

Confira: Gerenciador de nota fiscal eletrônica: conheça o NFe.io

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 0
There are currently no comments.