Modelo de negócios: tipos + como escolher para sua empresa

Tempo de leitura: 6 minutos

Definir o modelo de negócios é o primeiro passo que todo empreendedor precisa dar quando decide criar a sua própria empresa.

Ele nada mais é um um documento simples que coloca no papel toda a ideia da criação da sua organização, explicando como ele vai gerar valor para os clientes.

Ainda que pareça simples, nem sempre é fácil tirar a ideia da cabeça e colocá-la de forma clara no papel, com todos os detalhes necessários.

Está cansado de emitir suas notas fiscais uma por uma?

Na NFE.io é possível se livrar dessas tarefas repetitivas através de integrações com meios de pagamento, plugins, planilha do excel ou conectando diretamente com a nossa API.

Quer entender como funciona?
Converse com a nossa equipe especializada para livrar a sua empresa da burocracia!
Quero otimizar meu tempo

E para ajudar você nessa empreitada, separamos neste artigo uma visão mais profunda sobre o que é um modelo de negócios, os principais tipos e como escolher para sua empresa.

O que é modelo de negócio?

O modelo de negócio, conforme antecipamos, é um documento no qual você colocará no papel toda a ideia que tem em mente sobre a criação do seu empreendimento.

Vale dizer, que o principal objetivo desse documento é mostrar como sua empresa gera valor para os clientes a partir dessa proposta que está sendo apresentada.

Um dos métodos muito usados para elaborar um modelo de negócios é o Canvas que foi criado por Alex Osterwalder e Yves Pigneur.

Essa ferramenta ajuda a entender de forma completa como é a sua empresa. Nela você descreve todos os elementos e etapas que fazem seu empreendimento ser único.

O que é um modelo de plano de negócios?

Um ponto que é importante esclarecer e que gera muita confusão é a diferença entre modelo de negócio e plano de negócio. Entenda que eles não são a mesma coisa.

O plano de negócios é diferente, e nesse caso você não vai detalhar o seu negócio em si, mas sim todo o contexto em que ele estiver inserido.

Geralmente o plano de negócios é dividido em três partes: mercado, operação e finanças.

A primeira etapa é analisar os produtos e serviços oferecidos, os concorrentes da empresa, os pontos fortes e fracos dos concorrentes, as oportunidades e ameaças do mercado etc.

Em resumo, na primeira etapa você vai ver se é mercadologicamente viável montar a sua empresa. Depois será preciso levantar informações operacionais.

Isso consiste em saber as máquinas e instalações que você precisa ter, a mão-de-obra que terá que contratar, os treinamentos que terá que oferecer etc.

Por fim, e não menos importante, a terceira parte do plano de negócios é dedicada a avaliar as projeções de receita e despesa da sua empresa e os custos de cada um dos produtos.

Nota fiscal emitida em massa via excel?

Na NFE.io você conta com emissão de notas fiscais de serviço em massa via Excel. O que acha?

Emita muitas NFS-e sem burocracia!
Disponibilizamos para você a alternativa de emitir via excel, de forma simples, rápida e eficiente.
Experimente gratuitamente!

Qual a diferença de modelo de negócio para plano de negócio?

Pode parecer um pouco confuso nesse início diferenciar um modelo de negócios para um plano de negócios. Mas há algumas diferenças básicas entre eles.

Uma é que o modelo de negócio é um documento simples, replicável e visual sobre como o seu negócio entrega valor para o seu cliente.

Já o plano de negócio é mais aprofundado, rico em detalhes, pois é ele quem mostrará a viabilidade da sua empresa entrar em um segmento.

O modelo de negócio pode ser facilmente ajustado, já o plano de negócio leva mais tempo e precisa da aprovação de todos os sócios.

Uma empresa tem um único plano de negócio, mas ela pode ter muitos modelos de negócio. Abaixo, vamos falar sobre os principais tipos existentes.

Leia também:

Quais são os tipos de modelo de negócio?

Modelo de negócios

Agora que você já sabe o que é um modelo de negócio e sua principal diferença para um plano de negócio, vamos mostrar quais são os principais tipos.

1 – Franquia

Um modelo de negócio que está bastante em alta é o de franquia, e a cada ano que passa ele ganha mais adeptos no Brasil.

Em suma, uma franquia é uma loja administrada por terceiros que usa sua marca ou patente. Entretanto, para isso é preciso que o franqueado siga algumas diretrizes.

Essas diretrizes são dadas no modelo de negócio de franquia. Inclusive é lá que será determinado qual a remuneração pelo uso da sua marca.

2 – Negócios sociais

Um outro tipo de modelo de negócio que cresceu muito são os negócios sociais. Essa é uma forma de unir responsabilidade social e ambiental ao seu negócio.

A maior parte das empresas que funcionam a partir desse modelo são aquelas que se preocupam com sua imagem, mas querem gerar um impacto positivo para o mundo.

Um bom exemplo de empresa que adota o modelo de negócios sociais no Brasil é a Solidarium, que comercializa produtos de classes sociais menos favorecidas.

3 – B2B

O B2B é um modelo de negócio no qual sua empresa comercializa os produtos para uma outra empresa e não diretamente para o consumidor final.

Isso pode incluir vários tipos de produtos ou serviços como softwares, maquinários, mão de obra, matérias-primas etc.

O ticket médio de uma venda B2B é normalmente maior do que uma empresa que vende direto para o consumidor final. Pois geralmente as vendas são feitas em grandes volumes.

4 – Assinatura

A cada ano que passa cresce o número de empresas criando planos por assinaturas para os seus clientes. Ou seja, através do pagamento de uma taxa o cliente desfruta de um serviço.

Essa taxa pode ser semanal, mensal, semestral ou até mesmo anual. Tudo depende da preferência do seu cliente.

Hoje em dia existem muitos empreendedores digitais atuando nesse ramo com destaque para Spotify, Netflix, Sky e até mesmo a Leiturinha.

5 – Freemium

Por fim o Freemium é um modelo de assinatura no qual há recursos gratuitos e pagos. Quem escolhe por recursos free ou pagos é o próprio usuário.

Nesse modelo de negócios as empresas oferecem um serviço gratuito como isca para incentivar o cliente a se tornar premium.

Algumas escolas que oferecem cursos de educação a distância já adotam esse modelo que vem crescendo a passos largos no Brasil.

Agora que você já viu alguns exemplos de plano de negócios, bem como os principais tipos de modelo de negócios, já possui mais compreensão sobre o assunto. Portanto, basta agora fazer o seu. 

E se quiser conhecer mais conteúdos como esse, acesse o blog da NF.io. Lá você encontra tudo o precisa saber para gerenciar sua empresa da melhor forma possível.


Quer receber mais conteúdo de graça?

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de empreendedorismo.

Comente

Deixe seu comentário abaixo. O seu e-mail não será divulgado.


Salvar meu nome e e-mail para os meus próximos comentários.
Ao clicar em comentar, você declara que aceita a nossa política de privacidade.

Está cansado de emitir as notas fiscais da sua empresa uma por uma?

Sabemos que é um processo muito chato e repetitivo. Você não precisa mais gastar tempo com isso, sabia ?

QUERO GANHAR TEMPO
x