O que é split de pagamentos? Quais são as vantagens?

Tempo de leitura: 6 minutos

Já ouviu falar sobre o split de pagamentos? Essa solução é bastante útil para marketplaces, porque possibilita dividir a remuneração de diferentes fornecedores de maneira automática. Assim, oferece-se uma melhor experiência aos consumidores e lojistas.

Essa é uma explicação breve e simplificada, pois há diversos detalhes por trás do assunto. Sendo assim, reunimos tudo que você precisa saber neste texto. Aproveite!

O que é um split de pagamentos?

O split de pagamentos é uma API que automatiza e otimiza a divisão de dinheiro entre vários fornecedores. Por isso, é uma solução muito usada em negócios que os clientes podem comprar de mais de um fornecedor ao mesmo tempo, como marketplaces.

Está cansado de emitir suas notas fiscais uma por uma?

Na NFE.io é possível se livrar dessas tarefas repetitivas através de integrações com meios de pagamento, plugins, planilha do excel ou conectando diretamente com a nossa API.

Quer entender como funciona?
Converse com a nossa equipe especializada para livrar a sua empresa da burocracia!
Quero otimizar meu tempo

Ainda está um pouco abstrato? Vamos a um exemplo: suponhamos que você tenha comprado dois produtos de fornecedores diferentes em um marketplace, como Magalu ou Amazon.

Apesar de serem duas compras distintas, o pagamento é único, certo? Isso só é possível por causa do split! Ele divide e envia de maneira automática os valores para cada fornecedor. Aliás, também envia a parte do marketplace.

Leia também: Como montar um marketplace: um passo a passo completo

Como funciona?

Agora você já sabe o que é split de pagamentos. Contudo, a nossa explicação sobre o seu funcionamento foi breve e simplificada. Por isso, vamos explicá-la de uma forma mais aprofundada.

Como dissemos, o split é uma API. Em outras palavras, é um conjunto de códigos de programação que permite integrar essa aplicação a outros sistemas. Assim, adiciona-se suas funcionalidades de maneira prática, barata e ágil.

Ao integrar o split de pagamentos em um sistema, torna-se possível determinar uma série de regras de divisão de pagamentos. Pode-se definir valores ou porcentagens fixas para serem retiradas de cada venda, quantias variáveis de acordo com o método de pagamento, entre outras várias possibilidades.

A definição dessas regras depende dos objetivos e do modelo do negócio. Peguemos novamente um marketplace como exemplo. Esse tipo de negócio precisa definir regras de divisão que possibilitem diferentes lojistas receberem pagamentos juntos e que cobrem a sua taxa sobre esses fornecedores.

Com tudo configurado, os consumidores farão suas compras normalmente. Quando a administradora do cartão de crédito ou o banco confirma a autorização da compra, o split automaticamente divide os valores conforme as regras estabelecidas.

Caso queira saber mais sobre o split de pagamento para marketplace, assista este vídeo da Ideias no Ar:

Quais são as vantagens do split?

Já entendemos o que é e como essa solução funciona. Entretanto, quais são as vantagens do split? Por que adicioná-lo ao seu sistema? A seguir, listamos os principais benefícios:

  • praticidade para clientes e fornecedores;
  • maior controle dos pedidos e pagamentos;
  • automação de processos;
  • segurança eficiente;

Praticidade para clientes e fornecedores

A principal vantagem do split de pagamentos é a praticidade que ele proporciona aos consumidores e fornecedores.

Precisa de uma ferramenta simples para controlar a Inadimplencia?

Baixe gratuitamente nossa planilha de controle de inadimplencia e facilite sua vida!

Controle quem são os devedores.
Utilize essa ferramenta gratuitamente e ganhe um presente surpresa.
Quero a planilha

Os clientes compram normalmente, não há interferência alguma no processo de pagamento. Além disso, é o split que viabiliza pagar diferentes em uma única compra. Dessa forma, proporciona-se uma experiência fluida e satisfatória aos consumidores.

Por outro lado, os fornecedores também ganham praticidade. O valor correto referente à compra é enviado de forma automática para as suas contas.

Ou seja, ninguém precisa interferir no processo ou realizar algo manualmente. O dinheiro é recebido e enviado corretamente.

Maior controle dos pedidos e pagamentos

O split faz lançamentos automáticos nos sistemas, permitindo que todos acompanhem as compras em processamento, andamento e canceladas.

Assim, é possível que haja uma gestão mais assertiva dos pedidos e pagamentos por parte dos fornecedores, evitando a ocorrência de erros.

Automação de processos

Comentamos que a automação dos processos proporciona muita praticidade tanto aos consumidores quanto aos fornecedores.

Contudo, esse benefício vai além, porque contribui para o aumento da produtividade da equipe responsável pelo sistema. Afinal, as únicas atividades que precisam ser realizadas é a integração da API, configuração das regras e supervisão do funcionamento.

Segurança eficiente

Os splits de pagamento costumam contar com bons sistemas de segurança. Desse modo, todas as transações são protegidas.

Isso transmite mais confiança aos consumidores e fornecedores, uma vez que dificilmente ocorrerão problemas relacionados a vulnerabilidades na segurança.

Como fazer um split de pagamento?

Agora, só falta comentarmos sobre a implementação do split de pagamento, não é mesmo? A seguir, apresentamos um passo a passo simples para adicionar essa solução a um sistema. Confira:

  1. escolha o fornecedor da API;
  2. integre a API ao seu sistema;
  3. defina as regras de divisão.

1. Escolha o fornecedor da API

O primeiro passo é escolher quem será o responsável por fornecer a API. Há inúmeras empresas que oferecem esse tipo de solução, como Iugu, Zoop e PagSeguro.

Portanto, o ideal é fazer uma pesquisa e listar os prós e contras de cada fornecedor. Em seguida, basta analisar quem proporciona os benefícios que o seu negócio precisa. Com essa avaliação, é possível realizar uma escolha assertiva.

2. Integre a API ao seu sistema

Após a escolha, é hora de integrar a API ao seu sistema. Para isso, o ideal é que o fornecedor ofereça suporte ou que haja a supervisão de um profissional especializado. Afinal, é um processo técnico e que pode variar de solução para solução.

Confira também: Tudo o que você precisa saber sobre API de pagamento online

3. Defina as regras de divisão

Por fim, basta definir as regras de divisão de pagamentos. Novamente o recomendado é que haja um suporte especializado. Sendo assim, na hora de escolher um fornecedor, avalie se há o oferecimento de suporte.

Depois da determinação das regras, o split de pagamentos estará pronto para funcionar assim que uma compra for realizada.

Como otimizar ainda mais os processos de pagamento?

Neste texto, você descobriu os conceitos essenciais por trás do split de pagamentos, uma ótima solução para adicionar praticidade, automação e agilidade ao seu sistema.

No entanto, sabia que tem como automatizar até mesmo os processos que vêm depois do pagamento, como a emissão de notas fiscais?

A NFE.io faz exatamente isso para você! A nossa API emite, envia e armazena notas fiscais de maneira automática. Assim, a sua equipe não precisa se preocupar com tarefas burocráticas e complexas relacionadas aos pagamentos.

Que tal conhecer melhor a nossa solução? Entre em contato com um de nossos especialistas e entenda como podemos ajudar seu negócio!


Quer receber mais conteúdo de graça?

Assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades de empreendedorismo.

Comente

Deixe seu comentário abaixo. O seu e-mail não será divulgado.


Salvar meu nome e e-mail para os meus próximos comentários.
Ao clicar em comentar, você declara que aceita a nossa política de privacidade.

Está cansado de emitir as notas fiscais da sua empresa uma por uma?

Sabemos que é um processo muito chato e repetitivo. Você não precisa mais gastar tempo com isso, sabia ?

QUERO GANHAR TEMPO
x