Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

Como emitir nota fiscal no Mercado Livre: tudo o que você precisa saber

Ainda não sabe como emitir nota fiscal no Mercado Livre? Entenda a obrigatoriedade da emissão e garanta segurança nas suas vendas on-line!

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Já está sabendo que desde janeiro deste ano é obrigatório emitir notas fiscais no Mercado Livre?

Sabe como fazer essa emissão?

Então, dê uma olhada neste posts agora mesmo!

As vendas em sites como o Mercado Livre muitas vezes são um primeiro passo para os empreendedores que desejam seguir no ramo de vendas on-line.

Mas muitos ainda têm dúvidas em relação aos procedimentos obrigatórios que a empresa de comércio eletrônico exige para efetivamente fazer suas entregas.

Afinal, para vender no Mercado Livre precisa de nota fiscal? Como emitir nota fiscal no Mercado Livre?

Veja a respostas a essas perguntas nesta postagem!

Confira também em nosso blog: Mercado Pago ou Pagseguro? Descubra o melhor para seu negócio!

Afinal, para vender no Mercado Livre precisa de nota fiscal?

Apesar de ser uma forma simplificada de comércio on-line, é importante saber que as questões fiscais e tributárias também são necessárias em marketplaces como o Mercado Livre.

Até mesmo para evitar sonegações e problemas com a Receita Federal. Além disso, não é porque você não tem um site e utiliza um espaço terceiro para facilitar a sua venda que estará isento de responsabilidades que garantam a segurança das transações. Isso tanto para a sua empresa quanto para o seu consumidor.

A resposta é sim! Para vender no Mercado Livre precisa de nota fiscal.

Desde janeiro de 2018, a emissão de notas no site passou a ser obrigatória em todas as postagens realizadas pelas agências dos Correios.

Em casos onde não há nota, de toda forma é exigida uma declaração de conteúdo, contendo os detalhes daquela mercadoria a ser enviada e onde o remetente confirma que aquele envio é esporádico e não tem fins comerciais.

Se no seu caso as vendas são constantes, é preciso entender todos os passos sobre como emitir nota fiscal no Mercado Livre!

Como emitir nota fiscal no Mercado Livre

A nota fiscal eletrônica (NFe) é uma forma simplificada de garantir segurança no processo de venda. Dependendo de como é emitida, ela pode servir como uma parte fundamental e estratégica de acompanhamento e gerenciamento financeiro do negócio.

Assim como acontece em qualquer e-commerce, a empresa que vive de vendas on-line deve seguir alguns passos básicos para fazer a emissão de nota fiscal pelo Mercado Livre.

5 passos para emitir nota fiscal no Mercado Livre:

  1. Ter um Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), que pode partir da opção de Microempreendedor Individual (MEI), sem custo para emissão de notas;
  2. Adquirir um certificado digital (e-CNPJ) com uma entidade autorizada e credenciada no ICP-Brasil (Infraestrutura de Chaves Públicas), o que garantirá a segurança das vendas com direito à uma assinatura digital;
  3. Cadastrar-se no site da Secretaria da Fazenda (SEFAZ) em seu estado;
  4. Emitir a nota fiscal de forma individual pelo site da prefeitura/Secretaria da Fazenda ou escolher um emissor de nota fiscal eletrônica automatizado.

Vale destacar que, apesar da obrigatoriedade de emitir a nota fiscal, em caso de notas fiscais eletrônicas os Correios podem exigir do remetente do Mercado Livre apenas o Documento Auxiliar da Nota Fiscal Eletrônica (DANFE), e não de fato a nota em arquivo XML, o que facilita a vida do empreendedor neste primeiro momento.

Otimize sua rotina com sistemas integrados ao Mercado Livre

Agora que você sabe como emitir nota fiscal no Mercado Livre, resta se fazer mais uma pergunta: como facilitar esse processo?

Afinal, se a sua empresa se apoia em sites como o Mercado Livre para se sustentar e realiza várias vendas por mês, você não vai querer emitir uma a uma as notas fiscais de produtos vendidos caso o volume comece a aumentar com frequência, certo?

Existe uma opção que facilita nesse sentido, que são os sistemas de emissão de notas fiscais.

Alguns softwares especializados, como é o caso da NFe.io, automatizam as tarefas de emissão e envio de notas fiscais aos clientes da maneira que tem que ser, sem burocracias, sem espera ou erros.

Vantagens da automatização de emissão de notas fiscais

As plataformas são mais ágeis e tem todas as informações da empresa, o certificado digital que autentica a nota e o envio automático para a Secretaria da Fazenda, conseguem realizar a emissão assim que a venda é realizada.

O ganho maior é em tempo e produtividade, uma vez que o gestor consegue deixar tarefas demoradas e ao mesmo tempo necessárias automatizadas, passando a focar nas estratégias empresariais do seu negócio.

E como tempo é dinheiro, consequentemente, ao otimizá-lo, você estará ganhando em performance e conquistando novas formas de rentabilizar para a sua empresa.

O sistema é de fácil manuseio. Portanto, se precisar consultar alguma informação, sempre poderá acessar a plataforma e verificar o histórico de vendas.

Se precisar da nota fiscal original, como arquivo XML, também conseguirá o acesso simplificado com o apoio de uma ferramenta de emissão de notas fiscais.

Entre outras vantagens, o NFe.io também oferece consultas automatizadas e até desconto no certificado digital.

Saiba mais: Gerenciador de nota fiscal eletrônica: conheça o NFe.io

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 0
There are currently no comments.