Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

Entenda quais são as 7 tarefas do setor financeiro de uma empresa

Tesouraria, contabilidade, gestão de contas e outras tarefas de setor financeiro que você precisa conhecer para gerenciar seus negócios.

Gabriel MarquezGabriel Marquez

O departamento financeiro é responsável pela administração dos recursos de uma empresa: é onde o planejamento financeiro acontece, assim como controle da tesouraria além da divulgação dos resultados.

Dentre tantas tarefas do setor financeiro, a principal é garantir recursos para que a empresa mantenha-se competitiva no mercado, trabalhando para colher não só lucros imediatos como também a longo prazo.

A estrutura e as tarefas do departamento financeiro, e quantos profissionais farão parte dessa equipe, por exemplo, depende diretamente do tamanho da empresa. Em pequenas e microempresas, normalmente o próprio proprietário fica responsável pelas tarefas do departamento financeiro, porém essa decisão pode ser arriscada.

Isso porque é fundamental acompanhar de perto e continuamente os dados financeiros da empresa e quando um profissional acumula funções, as chances de deixar passar detalhes sobre o fluxo de caixa, dentre outros tópicos, podem comprometer a saúde financeira da empresa.

Nessa postagem, vamos mostrar quais são as tarefas do departamento financeiro e a maneira mais adequada de gerenciá-las.

Veja também: Estratégias de gestão para superar dificuldades financeiras das empresas

A importância do departamento financeiro

Em empresas de médio e grande porte é comum existir uma área responsável pelas tarefas do setor financeiro e. devido a sua importância, normalmente esses profissionais respondem diretamente para o proprietário ou CEO da corporação.

Em qualquer tamanho de empresa, é possível consolidar um departamento financeiro e o indicado é que isso seja realizado o mais rápido possível – assim que a empresa iniciar suas operações, para evitar a desorganização de dados.

Independente de seu formato e organograma, é indiscutível que as empresas tenham um setor responsável pelas finanças e a partir disso, consolidar as funções do departamento financeiro de acordo com suas necessidades.

 

Funções do departamento financeiro: vamos por partes

É correto afirmar que o departamento financeiro é responsável por lidar com todas as questões relacionadas a dinheiro, além de embasar as decisões dos gestores, como o investimento ou o corte de gastos.

Dentre as principais tarefas do setor financeiro, destacam-se o controle das contas a pagar e a receber, a tesouraria, o planejamento, a contabilidade,  o controle de riscos, a gestão dos impostos, e a divulgação de informações para os investidores.

Dependendo do porte da empresa, o setor financeiro pode se subdividir para que cada uma de suas alas seja responsável por uma atividade específica:

1- Tesouraria

Responsável pelo fluxo de caixa, esse setor do departamento financeiro realiza diariamente o controle de entrada e saída de valores. Isso significa, por exemplo, ser gestor e responsável pelas contas bancárias da empresa.

2- Gestão de contas a pagar e receber

Dentre as tarefas do setor financeiro está a gestão de contas a pagar, que precisa garantir o  controle  de contas de consumo e pagamento de fornecedores, evitando o esquecimento de pagamento de contas que podem acarretar em multas devido aos atrasos.

Os profissionais que atuam nessa ala do departamento financeiro precisam também controlar os recebimentos, ou seja, averiguar de os clientes da empresa honraram suas obrigações para garantir um fluxo de caixa saudável com a entrada de todos os valores previstos para o período.

Saiba mais: Entenda o risco de inadimplência e saiba quais as vantagens de manter as contas em dia

3- Contabilidade

Já a contabilidade é responsável pelas tarefas do departamento financeiro que tenham a ver com as variáveis do patrimônio da empresa.

Isso consiste em gerir seus ativos, como suas mercadorias, equipamentos, dinheiro, imóveis, dentre outros, e os passivos, como as dívidas e contas que ainda não venceram.

É na contabilidade que ocorre o cálculo de lucro ou prejuízo de uma empresa, a partir da relação entre ativo e passivo. Exatamente por esse motivo, os registros contábeis de uma empresa são uma ferramenta de extrema importância, oferecendo dados para a tomada de decisão sempre que isso envolver dinheiro.

4- Planejamento financeiro

A partir da organização de todos esses dados financeiros realizados pela contabilidade, se torna fácil construir todo o planejamento financeiro da empresa para um orçamento sadio que possibilita a identificação de quando é o momento certo para investir ou reduzir custos.

A equipe que integra o planejamento é responsável por traçar metas para o futuro da empresa, a partir dos dados atuais, identificando oportunidades e até mesmo quais recursos podem ser utilizados para que os objetivos financeiros da empresa sejam alcançados.

5- Gestão de riscos

Dentre as tarefas do setor financeiro, pode-se destacar também uma equipe responsável pela gestão de riscos. Isso significa a avaliação dos riscos de mercado, de crédito, de câmbio dentre outras variáveis econômicas que impactam diretamente na saúde financeira da empresa.

A gestão de riscos precisa ser capaz de antecipar esses problemas para que a empresa possa ter tempo para se preparar e reduzir o impacto desses imprevistos ou até mesmo evitar que atinjam a empresa.

6- Gestão de impostos

Quando a empresa não possui uma área fiscal própria, o cálculo de impostos a pagar bem como o cumprimento das exigências tributárias também passa a uma tarefa do departamento financeiro através da área denominada como gestão de impostos.

Esse setor pode parecer simples, porém, precisa identificar o regime tributário mais favorável para a empresa, evitando gastos desnecessários com o pagamento indevido de impostos, por exemplo.

7- Relação com investidores

Um departamento financeiro organizado e transparente, capaz de divulgar de forma clara suas contas, é capaz de aumentar a confiança na empresa e consequentemente facilita a captação de investidores, que se sentem seguros com os números adequadamente apresentados e analisados.

Veja mais: Coloque em prática o planejamento de custos de uma empresa

Contar com um sistema de gerenciamento de notas fiscais pode auxiliar em diversas tarefas do setor financeiro.

Além de calcular impostos automaticamente, gerar os arquivos XML e HTML, fornecer informações sobre suas contas a receber e ter uma conexão mais estável com as prefeituras, o NFe.io ainda oferece desconto na emissão do certificado digital.

Saiba mais sobre ele: NFe.io

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 3