Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io
Nota Fiscal Eletrônica, gestão empresarial e meios de pagamento – Blog Nfe.io

Quais indicadores financeiros empresariais você deve utilizar em seus negócios?

Liquidez corrente, margem operacional, cobertura de juros, giro de caixa, custos fixos, ticket médio: indicadores financeiros empresariais

Gabriel MarquezGabriel Marquez

Para que uma empresa consiga traçar estratégias mais certeiras e alcançar os resultados esperados, é imprescindível saber em que situação a organização se encontra.

Afinal, não há como melhorar o que não se conhece bem, certo?

E para conhecer verdadeiramente sua empresa, é preciso saber medir seu desempenho, conseguindo realizar um diagnóstico de seus resultados.

Assim, será possível saber o que está indo bem e o que precisa ser mudado para que seu negócio seja mais produtivo.

E uma das maneiras mais importantes para conseguir realizar uma boa análise de sua organização é acompanhar de perto sua saúde financeira.

Para te ajudar nesse processo, você poderá contar com o uso de indicadores financeiros empresariais, que serão essenciais para garantir uma gestão mais eficiente de seus negócios.

Veja também: Confira neste post sete dicas para organizar as finanças e potencializar os resultados do seu negócio

Quais indicadores devo utilizar?

Os indicadores financeiros empresariais serão encontrados nos principais demonstrativos financeiros de uma organização.

Eles irão servir como base para as análises que vão indicar o desempenho de seus negócios de maneira mais clara.

Assim, as tomadas de decisão e desenho de estratégias serão melhor embasados, garantindo resultados mais precisos e eficientes.

Existem muitos indicadores financeiros que podem ser considerados por uma empresa e que podem ser escolhidos de acordo com as particularidades de cada negócio.

Entretanto, há alguns que são considerados imprescindíveis para todos os casos e organizações.

Que tal conhecer os principais?

6 Principais indicadores financeiros empresariais

1- Liquidez Corrente

Os indicadores de liquidez são aqueles que apontam se a empresa será ou não capaz de cumprir obrigações em um curto prazo.

E um dos indicadores mais importantes nesse aspecto é a chamada liquidez corrente.

A liquidez corrente, através de seus números, irá demonstrar uma relação entre quanto a organização receberá e quanto precisará pagar no mesmo período de tempo.

Para estabelecer esse valor, é preciso dividir o ativo circulante pelo passivo circulante.

De maneira geral, espera-se que essa conta resulte em um número acima de 1, caso contrário, o indicador estará apontando que a empresa terá dificuldades para acertar suas obrigações de curto prazo.

2-  Margem Operacional

Quando se deseja mensurar a rentabilidade de um negócio, a margem operacional é um dos principais indicadores financeiros empresariais que devem ser analisados.

Ela irá indicar a porcentagem de cada real de venda após terem sido deduzidas todas as despesas ( com exceção do imposto de renda).

Assim, basicamente, apontará  a porcentagem que representa quanto a organização ganhou em relação a quanto vendeu no mesmo período.

Você pode defini-la a partir da divisão entre o resultado operacional pela receita líquida de vendas.

E, ao utilizar esse indicador, você poderá, ainda, realizar uma comparação de resultados em momentos diversos, podendo criar uma análise de desempenho entre diferentes períodos.

Dessa forma, você terá em mãos dados claros para conhecer qual mês foi o mais rentável para seus negócios e qual foi o menos, por exemplo.

3- Cobertura de Juros

Esse indicador está relacionado ao endividamento de uma empresa e sua capacidade de geração de caixa para pagá-lo.

Assim, ele apontará se a organização poderá pagar os juros contratuais de suas dívidas, mas sem comprometer o valor gerado em caixa.

Ao acompanhar esse indicador financeiro, será possível determinar se esses juros estão comprometendo seus ganhos e em qual proporção.

Dessa forma, você poderá desenhar novas estratégias para diminuir esse impacto sobre o caixa.

4-Giro de Caixa

O giro de caixa é um indicador financeiro que mostrará a velocidade com a qual o dinheiro que a empresa recebe através de suas vendas é utilizado para financiar suas atividades.

Assim, irá demonstrar com qual rapidez suas contas são convertidas em vendas ou em caixa.

Veja mais: Entenda o que é movimento de caixa e o que é fluxo de caixa

5-Custos Fixos

Como a própria nomenclatura já sugere, esse indicador se refere aos custos que são fixos em sua empresa, ou seja, que permanecerão constantes em seu quadro de despesas.

Por não apresentarem variação nem mesmo diante de oscilações de seu faturamento, é muito importante que estejam sempre sendo avaliados e controlados.

Portanto, os custos fixos irão englobar fatores que envolvem valores não variáveis, como o aluguel de suas instalações, de equipamentos, gastos com limpeza e segurança, por exemplo.

6-Ticket Médio

Irá auxiliar no entendimento da dinâmica de seus negócios e apontará o valor médio de cada venda realizada por sua empresa.

Nas atividades varejistas, esse é um dos mais importantes indicadores financeiros empresariais que devem ser considerados.

Para obtê-lo, basta dividir o faturamento pelo volume de vendas ocorrido em um dado período.

Assim, será possível compreender se a organização está vendendo itens com maior ou menor valor, além de mensurar quais os colaboradores de sua equipe de vendas estão tendo destaque de atuação.

Caso esteja detectando valores abaixo do esperado, isso pode ser indício de que será necessário investir na capacitação de seus funcionários ou até mesmo em uma nova estratégia de marketing.

Dicas de uso dos indicadores financeiros empresariais

Opções para todos:

Os indicadores financeiros empresariais devem ser utilizados por qualquer organização, independente de seu porte ou mercado em que atua.

Adotar os principais indicadores poderá ser decisivo também a pequenas e médias empresas.

Acompanhe a evolução de seus negócios:

Coloque sua atenção a alguns indicadores e vá realizando ajustes necessários ao longo do tempo.

De início, você pode ainda optar por implantar poucos indicadores, e, gradativamente, aumentar sua quantidade.

O ideal é que a análise financeira de sua empresa acompanhe a evolução de seus negócios.

Faça comparações:

Quando possível, você pode também comparar os resultados de seus indicadores financeiros com os de outras empresas concorrentes.

Dessa forma, será possível criar uma análise mais ampla do desempenho de sua organização, além de detectar ameaças e oportunidades externas.

Não demore a agir:

Esses indicadores irão apontar informações valiosas sobre a saúde financeira de seus negócios.

Mas, de nada adianta apenas observá-los e não tomar decisões para colocar em prática as conclusões geradas por tais números.

Uma das grandes vantagens de utilizar esses indicadores é que eles proporcionam informações importantes para embasar novas estratégias, corrigir o que está errado rapidamente e potencializar pontos positivos.

Assim, escolha os indicadores, analise-os e coloque em prática as conclusões obtidas em suas tomadas de decisão.

Use um gerenciador de notas fiscais e amplie seu controle financeiro

Um gerenciador de notas ficais como o NFe.io fornece dados pode meio de um painel de controle automatizado que vai ajudar sua empresa a fazer a administração financeira.

Assim, além do cálculo e da emissão das notas fiscais, sua empresa conta com outros benefícios, como cancelamento de notas fiscais, emissão dos arquivos XML e HTML, consultas a dados de empresas e até desconto na emissão do certificado digital.

Veja mais detalhes: Gerenciador de nota fiscal eletrônica: conheça o NFe.io

Empreendedor e Fundador da NFe.io e outras startups. Focado em ajudar empreendedores a escalar seus negócios. Interessado? Marque um papo!
Comments 0
There are currently no comments.